A Huawei e a Sul Americana de Metais (SAM Metais) se uniram para impulsionar a transformação digital nas escolas públicas do norte de Minas Gerais. Serão doados, até o fim de novembro, 200 tablets para 16 instituições do Ensino Fundamental e Médio dos municípios de Grão Mogol, Salinas, Padre Carvalho, Fruta de Leite e Josenópolis – regiões na área de influência do projeto de minério de ferro da SAM Metais.

Os alunos também poderão fazer o curso online “Todos Aprendem 5G”, enquanto as universidades da região ingressarão no programa Huawei ICT Competition – competição que estimula o estudo e práticas em Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC). Só em 2020, mais de 600 estudantes e professores de mais de 28 instituições no país participaram da competição.

publicidade

As ações fazem parte do Tech4All, programa da Huawei, de estímulo ao acesso à tecnologia digital, que busca acelerar os objetivos de desenvolvimento sustentável na Organização das Nações Unidas (ONU).

Reprodução

Huawei também proverá aos alunos curso online sobre o 5G. Imagem: Daniel Constante/Shutterstock

“A missão da Huawei é tornar o mundo cada vez mais inteligente e conectado, sendo parceira da transformação digital em todos os países em que atua, e no Brasil também. Acreditamos ser primordial dar acesso ao mundo digital às crianças de todo o mundo, incluindo as do norte de Minas Gerais também”, afirmou Sun Baocheng, CEO da Huawei do Brasil.

Aulas de tecnologia

No início do ano, outra empresa de tecnologia também contribuiu para o ensino público do país, mas no estado de São Paulo. A Qualcomm, em parceria com o Grupo + Unidos e a Gerdau, apoiou o Projeto Inova Educação, oferecido em 3,8 mil escolas públicas ao redor de São Paulo. 

A ação incluiu aulas semanais de Letramento Digital, Pensamento Computacional e Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação para até 2 milhões de alunos. As escolas selecionadas ganharam melhor infraestrutura e equipamento adequado para a realização das aulas.