EnglishPortugueseSpanish

A Volvo Trucks anunciou nesta semana que a partir de 2021 irá oferecer uma linha completa de caminhões elétricos no mercado Europeu. Segundo a empresa, versões elétricas das famílias FH, FM e FMX, que serão usadas para transporte regional e construção urbana, já estão em testes.

Segundo a empresa estes modelos terão um peso total combinado de até 44 toneladas, com autonomia que pode chegar a 300 km, dependendo da bateria escolhida. As vendas começarão no ano que vem, mas a produção em massa só deve ocorrer em 2022.

publicidade

A Volvo já produz na Europa, desde 2019, versões elétricas dos modelos FL e FE, projetados para transporte urbano de cargas e coleta de lixo. Com os novos modelos, a empresa terá “uma linha completa de veículos elétricos à bateria na Europa, para transporte urbano, coleta de lixo, transporte regional e construção urbana”.

A montadora afirma que veículos elétricos para usos mais exigentes e transporte de cargas pesadas por longas distâncias serão lançados nesta década. Estes serão caminhões elétricos a bateria ou movidos a células de combustível, com autonomia maior.

A Volvo Trucks pretende começar a vender caminhões elétricos movidos a células de combustível de hidrogênio na segunda metade desta década. O objetivo da Volvo Trucks é que toda a sua linha de produtos esteja livre de combustíveis fósseis até 2040.

Segundo Roger Alm, presidente da Volvo Trucks, “para reduzir o impacto do transporte em nosso clima, devemos fazer uma rápida transição de combustíveis fósseis para alternativas como a eletricidade. Mas as condições para realizar esta mudança, e consequentemente seu ritmo, variam dramaticamente entre diferentes transportadoras e mercados, dependendo de muitas variáveis como incentivos fiscais, acesso à infraestrutura de carga e tipo de operações de transporte”.

Fonte: Volvo