EnglishPortugueseSpanish

GM anuncia mega recall do elétrico Bolt

Redação 16/11/2020 21h53, atualizada em 16/11/2020 23h12

A General Motors começou a recolher 68.677 unidades do seu veículo elétrico Bolt, produzidos entre 2017 e 2019. A decisão da fabricante está relacionada com as investigações de cinco casos de incêndio no compartimento de bateria do veículo.

 
Em todos os casos as baterias estavam completamente carregadas, ou próximas disso. A causa dos incêndios ainda não foi determinada, mas há similaridades entre eles além do nível de carga: todos os veículos usavam baterias produzidas por uma fábrica da LG Chem, em Ochang na Coreia do Sul.
 
Como precaução, os veículos receberão uma atualização de software que limitará a capacidade da bateria em 90%. A ação deve reduzir o risco de incêndios na bateria, enquanto a fabricante trabalha para identificar o problema e determinar um reparo definitivo.
 

Vale ressaltar que modelos 2020 não são afetados, pois usam uma bateria com design diferente.

publicidade