EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Sergey Ryzhikov e Sergey Kud-Sverchkov, dois cosmonautas da agência espacial russa Roscosmos, fizeram uma caminhada espacial de mais de seis horas na Estação Espacial Internacional nesta quarta-feira (18). A tarefa, que começou às 11h (horário de Brasilia), faz parte da preparação da parte externa do segmento russo para receber um novo módulo.

Ryzhikov, o atual Comandante da Expedição 64, fez sua segunda caminhada espacial, enquanto Kud-Sverchkov estreou em espaço aberto. A norte-americana Kate Rubins, da Nasa, monitorou a dupla de dentro da ISS.

publicidade

Na primeira parte da missão os cosmonautas inspecionaram uma escotilha em busca de vazamentos no módulo russo Poisk, que será usada como câmara de descompressão assim que um novo módulo chamado “Nauka” (“ciência” em russo) chegar. Ele substituirá o módulo Pirs – que será desativado e descartado.

publicidade

Durante a caminhada no espaço, os cosmonautas também tentaram recolocar um painel removível do regulador de fluxo de líquido no módulo de carga Zarya, tarefa que não foi completada e ficou para uma nova caminhada, e limparam a janela do módulo Zvezda – além de outros trabalhos no âmbito do programa científico da Roscosmos.

Também foi realizada uma trocar das antenas Transit-B do módulo Pirs para o Poisk Mini-Research Module 2, e uma mudança de posição dos sensores do dispositivo de controle de pressão e contaminação instalado no módulo Poisk. 

Nauka será lançado em 2021 do Cazaquistão. A caminhada desta quarta-feira é a primeira de uma série que serão realizadas para realocar os ativos de Pirs e do módulo Zarya em preparação para a chegada de Nauka, em abril.

Via: CNN