EnglishPortugueseSpanish

A Mercedes-Benz lançou o novo sedã de alto luxo da marca: o Mercedes-Maybach Classe S. Por enquanto, o modelo estreia nas versões S580 e S680, ambas com sistema híbrido parcial de 48V. Com foco no luxo, o modelo vai além do flagship da marca, o Classe S “comum”, trazendo mais itens de tecnologia, conforto e sofisticação.

Visualmente, as diferenças começam com a opção de pintura bicolor, algo tradicional da marca, grade e para-choque frontal redesenhados, novos logotipos, difusor traseiro mais refinado e saídas duplas de escapamento.

publicidade

Mercedes-Benz/Reprodução

Pintura em dois tons opcionais, além de diversos modelos de roda; logotipos da Maybach na lateral são iluminados. Créditos: Mercedes-Benz/Reprodução 

Com 5.469 mm de comprimento e 3.396 mm de distância entre-eixos (18 cm superior à versão longa do Mercedes-Benz Classe S), fica claro que o foco do carro são os ocupantes do banco traseiro. Para começar, as portas traseiras podem ser abertas ou fechadas eletricamente por um botão. Elas trabalham em conjunto com o sistema de monitoramento de ponto-cego para evitar acidentes.

Ao sentar, o cinto de segurança é “entregue” nas mãos do passageiro. Na parte traseira, duas poltronas individuais com aquecimento, ventilação e massagem. Elas são capazes de reclinar até 43,5 graus, possuem três memórias de posição e um apoio reclinável para as pernas.

publicidade

Pensando no conforto, o Classe S também possui um teto solar panorâmico, iluminação ambiente e um refrigerador entre os bancos com nichos para taças de espumante. Todas as janelas traseiras possuem persianas que podem ser fechadas por meio de um tablet no console central, onde também há quatro portas USB e dois porta-copos com refrigeração e aquecimento.

Mercedes-Benz/Reprodução

Passageiros de trás contam com itens de jato particular. Créditos: Mercedes-Benz/Reprodução

Tecnologia de ponta

O veículo conta com a nova geração do sistema MBUX (Experiência de Usuário Mercedes-Benz). Para os passageiros do banco de trás, são três telas, sendo dois monitores de entretenimento de 11,6 polegadas atrás dos bancos dianteiros e um tablet removível que se encaixa no console central traseiro. Nele, o passageiro pode controlar diversos itens como a temperatura do ar-condicionado, que é de quatro zonas, GPS, mídia, persianas e outros mimos do carro.

Já na frente, duas telas dominam o painel: uma central OLED de 12,8 polegadas e o quadro de instrumentos de 12,3 polegadas, com um modo 3D disponível. O motorista ainda conta com um head-up display com função tridimensional, capaz de monitorar o movimento dos olhos para adequar a projeção – e também para identificar os movimentos durante a condução semiautônoma.

Mercedes-Benz/Reprodução

Tablet pode ser usado fora do veículo, com aplicativos Android podendo ser baixados. Créditos: Mercedes-Benz/Reprodução

No auxílio a direção, piloto automático nível 3 – capaz de controlar funções do veículo, mas sem dispensar a atenção do motorista – e assistente de estacionamento que pode ser acionado sem que haja alguém a bordo. Controles de tração e estabilidade, assistência de partida em rampas, aviso de tráfego cruzado, frenagem autônoma de emergência e diversos outros auxílios também estão disponíveis.

Como opcional, o Maybach pode receber o “Digital Light”, sistema que projeta sinais no chão da rua pelos faróis de LED do veículo, auxiliando em algumas situações como obras, detecção de pedestres, semáforos, placas e assistência em vias apertadas.

Mercedes-Benz/Reprodução

Símbolos podem ser projetados na via, auxiliando o motorista e outros carros. Sistema é ativado em velocidades acima de 30 km/h. Créditos: Mercedes-Benz/Reprodução

Voltando ao banco de trás, o carro oferece dois sistemas interessantes e muito tecnológicos para os passageiros. O primeiro é um opcional e já é oferecido no Classe S convencional: o “MBUX Interior Assist”, um sistema de monitoramento dos passageiros por meio de um conjunto de sensores a laser e câmeras 3D capazes de reconhecer gestos.

Se o motorista se vira para a janela traseira do veículo, os encostos de cabeça automaticamente se abaixam para melhorar a visibilidade. Ou se um passageiro move sua mão em direção a maçaneta da porta, o MBUX Interior Assist reconhece a intenção de abri-la. Mas, se um veículo ou ciclista se aproximar pela retaguarda, esta função pode avisar os ocupantes.

Mercedes-Benz/Reprodução

Assistente de Interior MBUX, auxiliado pelo monitor de ponto-cego, avisa o passageiro caso um veículo ou ciclista esteja na zona crítica e possa causar um acidente. Créditos: Mercedes-Benz/Reprodução

O segundo, estreando no Maybach, é o sistema de iluminação adaptativo que permite, além da intensidade de iluminação, ajustar a dimensão e a posição do projetor de luz. A luz “segue” os movimentos do passageiro, ajudando em uma leitura ou na procura de objetos.

O carro vem com sistema de cancelamento de ruídos e equipamento de som da grife Burmester. Vidros traseiros mais grossos, novas camadas de materiais fonoabsorventes nas caixas de rodas e em outros painéis do carro completam o upgrade na acústica do veículo.

Mecânica do Mercedes-Maybach Classe S

O novo Mercedes-Maybach Classe S está disponível, por ora, com duas opções de motorização: a S580, com motor V8 de 500 cavalos de potência e 37,7 kgfm de torque, e a S680, com motor V12 de 612 cavalos e 45,9 kgfm de torque. Ambas com câmbio automático de nove marchas e sistema híbrido parcial, que utiliza um sistema elétrico de alta tensão (48V), ligado a uma bateria de íons de lítio.

O sistema alivia o motor a combustão de girar periféricos (ar-condicionado, sistema start-stop, faróis, etc) e pode também desligar o motor a gasolina caso o veículo esteja em alta velocidade em piso plano ou descida, aumentando a eficiência. Futuramente, será oferecida uma variante híbrida plug-in com motor 3.0 de seis cilindros combinados com propulsor elétrico e potência na casa dos 510 cv.

Mercedes-Bnez/Reprodução

Rodas são de 20 polegadas com design “monobloco”, mas há a opção de rodas aro 21″ com desenho inspirado em taças de champanhe. Créditos: Mercedes-Benz/Reprodução

De série, o modelo vem com suspensão a ar convencional, com a opção de receber um sistema adaptativo que utiliza câmeras para monitorar a via à frente, amenizando ondulações. Ainda é possível incluir no pacote o opcional eixo traseiro esterçante, que vira em até 10 graus as rodas traseiras para facilitar em manobras.

O carro recebeu um novo modo de condução “Maybach”. Acelerações mais suaves, trocas de marcha mais lentas, suspensão no modo mais confortável possível e saídas de inércia em segunda marcha são as armas utilizadas para tentar tornar o carro o mais relaxante e confortável possível.

No quesito segurança, o modelo não fica para trás. Ele conta com 18 airbags, com um inédito airbag frontal para o passageiro de trás e a opção de airbags no cinto de segurança. O carro também vem com um sistema de pré-colisão, que posiciona os bancos traseiros na posição mais segura possível para um acidente.

Focado em mercados como China, Rússia, Coreia do Sul, Estados Unidos e Alemanha, o preço estimado do veículo gira em torno dos US$ 200 mil. A Mercedes espera começar a produção na segunda metade de 2021. Não há previsão da chegada do modelo ao Brasil.

 

Via: Cnet