EnglishPortugueseSpanish

Vacina de Oxford: País deve receber 80 milhões de doses até fevereiro

Redação 25 de novembro de 2020
Na última segunda-feira, os representantes da farmacêutica AstraZeneca e da Universidade de Oxford se reuniram com o Ministério da Saúde, a Anvisa e a Fiocruz para pedir autorização para o uso emergencial de suas vacinas no país.

 
Com isso, o Brasil deverá receber 80 milhões de doses da vacina de Oxford até fevereiro de 2021. Segundo uma publicação da revista Veja, profissionais da saúde, pessoas do grupo de risco e professores serão os primeiros a receber o imunizante. A expectativa é que até dezembro deste ano a Anvisa já tenha aprovado as vacinas de Oxford e a Coronavac, vacina chinesa desenvolvida com o Instituto Butantan.
 

A vacina de Oxford começou a ser testada no Brasil em junho. De acordo com uma das instituições responsáveis por aplicar o teste, a Universidade Federal de São Paulo, a Unifesp, os resultados foram bem sucedidos. Até setembro, nenhum dos 5 mil brasileiros voluntários que receberam a dose registraram reações graves.

publicidade