Funcionários da Amazon vão protestar na Black Friday

Parece que Jeff Bezos, dono da Amazon e homem mais rico do mundo, terá grandes questões para resolver nesta Black Friday. O movimento #MakeAmazonPay anunciou uma série de protestos por parte dos funcionários da empresa em vários países.

Os protesto acontecerão em toda a cadeia de abastecimento da Amazon no Brasil, México, Estados Unidos, Reino Unido, Espanha, França, Bélgica, Alemanha, Luxemburgo, Itália, Polônia, Índia, Bangladesh, Filipinas e Austrália.

De acordo com o site Vice, dentre as reivindicações estão o aumento dos salários dos trabalhadores, incluindo pagamento de prêmio durante os períodos de pico e pagamento de periculosidade durante a pandemia. Além disso eles solicitam reintegração de todos os trabalhadores que foram demitidos após falarem sobre saúde e segurança no trabalho.

As reivindicações não param por aí: os trabalhadores exigem também que o varejista online respeite os direitos dos trabalhadores de participar da atividade sindical, pare de burlar as leis fiscais e se comprometa com padrões ambientais mais elevados.

Esta post foi modificado pela última vez em 27 de novembro de 2020 00:11

Compartilhar
Deixe seu comentário
Publicado por
Elias Silva