Snapdragon 888: chip roda jogos em 144 fps

Imagem: Qualcomm/Divulgação

A Qualcomm revelou nesta terça-feira (1º), no primeiro dia do evento Snapdragon Tech Summit Digital, o novo Snapdragon 888. O SoC (System on Chip) deverá integrar alguns dos principais smartphones Android top de linha de 2021. Entre as melhorias, destaca a empresa, os usuários terão um chip 5G mais potente para jogos e com mais recursos de inteligência artificial (IA).

Apresentado por Cristiano Amon, presidente da Qualcomm Incorporated, o chip é concentrado “no futuro”. “É necessária uma organização focada no amanhã para continuar a entregar as tecnologias que redefinem experiências premium”, disse.

Durante o primeiro dia de evento, que se estende até a quarta-feira (2), a Qualcomm não revelou todos os detalhes do produto. No entanto, reforçou que as novas tecnologias também deverão ser levadas para outros segmentos da linha Snapdragon.

O que muda no Snapdragon 888?

De olho nas redes móveis de quinta geração, o Snapdragon 888 traz o modem de radiofrequência X60 5G de 3ª geração. Ele possui compatibilidade mmWave e Sub-6 para o 5G “em todas as principais bandas em todo o mundo”.

O X60 5G também fornece suporte para agregação de operadoras para o 5G, para múltiplos cartões SIM de forma independente e compartilhamento de espectro dinâmico (DSS), que é usado no Brasil para “adiantar” o 5G.

Novo chip Qualcomm Snapdragon 888 promete ser uma plataforma poderosa para games. Imagem: Qualcomm/Divulgação

A Qualcomm também promete experiências mais agradáveis com jogos. Também em sua terceira geração, a tecnologia Snapdragon Elite Gaming permite reproduzir games com taxas de até 144 quadros por segundo. Ela também traz suporte para drivers de GPU atualizáveis e promete qualidade de desktop para os dispositivos móveis.

Em fotografias, o Snapdragon 888 traz agora um processador de sinal de imagem (ISP) triplo. Isso significa que o novo Spectra usado no chip conseguirá tirar mais vantagens de todos os sensores de um dispositivo. Ele traz, como diferencial, a capacidade de processar até 2,7 gigapixels por segundo, “ou aproximadamente 120 fotos com resolução de 12 MP”, segundo a fabricante.

Em demonstração, Qualcomm mostra celular equipado com Snapdragon 888 controlando carros à distância. Imagem: Qualcomm/Divulgação

Xiaomi Mi 11 com Snapdragon 888

Durante a apresentação, a Qualcomm também demonstrou a 6ª geração do AI Engine. Ele usa um processador Hexagon “reprojetado”, capaz de processar 26 trilhões de operações por segundo (TOPS). Ele deve impulsionar tanto o desempenho quanto a eficiência energética. Para isso, é usado o Sensing Hub (2ª geração), que faz o processamento de IA de baixo consumo.

Entre as fabricantes que utilizarão o novo Snapdragon 888, a Xiaomi já confirmou que lançará o Mi 11 com o chip. Nomes como Sony, OnePlus, Asus, LG, Motorola, Oppo e outros também anunciaram no evento que deverão lançar produtos com o lançamento da Qualcomm incorporado.