O celular vira cada vez mais um aliado das pessoas para o dia a dia e mantê-lo bem configurado é essencial para que dados não caiam em mãos erradas. Assim, para te ajudar, o Olhar Digital separou algumas dicas simples para deixar o seu Android mais seguro.

As dicas, em sua maioria, são pequenas configurações a serem realizadas no próprio sistema, mas outras envolvem as instalações de aplicativos que provarão ser de grande ajuda. Confira!

publicidade

Deixe apenas as permissões necessárias

Ao instalar um aplicativo no celular, para que ele funcione corretamente, muitas vezes algumas permissões precisam ser concedidas. Apesar de isto nem sempre ser um problema, certos programas podem pedir mais permissões do que o necessário e ter acesso a dados sensíveis seus.

Felizmente, verificar e até mesmo bloquear o acesso a tais recursos pode ser feito no celular sem precisar instalar nada. Para isso, nas “Configurações” do Android, basta entrar em “Privacidade > Gerenciar Permissões”. Dependendo da fabricante de seu celular, este caminho pode mudar.

Permissões para aplicativos no Android

Depois de estar no menu apresentado na imagem acima, ao selecionar um tipo de permissão, você poderá bloquear ou não o acesso do aplicativo a elas. Além disso, para outros casos mais específicos e quando o Android lhe permite, sempre opte por conceder a permissão “apenas quando o app está aberto” e não o tempo todo.

Coloque senha nos aplicativos

Deixar o seu celular com uma senha ou padrão é essencial para que as pessoas não acessem o seu conteúdo livremente. Ainda assim, ao ter que passar o seu aparelho para mostrar algo a alguém, muitas vezes os seus aplicativos e outros serviços podem ficar com dados expostos.

Para evitar estes contratempos, na Google Play, existem opções para além do padrão de desbloqueio do celular, os aplicativos também pedirem uma senha para serem abertos. Uma boa opção, por exemplo, é o aplicativo “LockX: Lockdown Lite”, que o Olhar Digital já mostrou como pode ser usado configurado neste tutorial.

Aplicativo protegido por senha - Android

Além de realizar a configuração para proteger os programas, ao usar um programa deste tipo, assim como mostra o tutorial, não se esqueça de também protegê-lo para que ele não possa ser desinstalado do sistema sem as suas credenciais. Não apenas isso, lembre-se que outros programas como o WhatsApp também fornecem uma função nativa deste tipo para ser desbloqueado por biometria digital ou facial.

Use uma VPN

Ao navegar na internet, principalmente em uma rede Wi-Fi desconhecida, pessoas mal intencionadas podem saber o que você acessou e quais foram suas outras atividades. Assim, para esta e outras situações, usar uma VPN pode ser uma boa alternativa para te deixar mais protegido.

VPN Cloudflare - Android

O processo para usar uma VPN no Android em si acaba sendo bem simples e a Google Play está repleta de opções gratuitas e pagas para isto. Já a dica do Olhar Digital fica para usar a VPN da Cloudflare, uma empresa renomada no quesito de segurança e que oferece esse serviço de forma gratuita, mas também com um plano pago para quem precisa de mais dados para navegar e realizar outras atividades.

Fique de olho em aplicativos espiões

Uma prática comum nos últimos tempos consiste em instalar aplicativos espiões nos celulares, que como o nome sugere, acabam denunciando praticamente tudo o que você faz em seu aparelho. Geralmente, quando isso ocorre, você pode perceber alguns sinais como a bateria sendo drenada rapidamente ou o celular esquentando mesmo sem estar realizando atividades nele.

Para sair desta situação, além de sempre ficar de olho na lista de aplicativos instalados, o uso de um antivírus como o Kaspersky ou o Avast podem te ajudar na sua remoção.

Use um navegador que coleta menos dados

Por padrão, os celulares com o Android têm o Google Chrome como o seu navegador padrão, que traz muitos recursos para facilitar a vida de seus usuários. Apesar disto, quem está mais preocupado com a privacidade, provavelmente, não gosta da forma que esse navegador trabalha por diversos motivos.

Brave Browser

Assim, para navegar na internet sem ter tantos dados coletados, uma boa solução consiste em trocar o Google Chrome por outras opções. Para isso, o Olhar Digital tem essa lista dos 5 melhores navegadores com o foco em privacidade para Android.

Mantenha a criptografia padrão do sistema ativada

Para que seus arquivos fiquem um pouco mais seguros, de forma nativa, o Android é capaz de criptografá-los. Inclusive, na maioria dos casos, esta opção já vem ativada por padrão, mas é sempre bom fazer essa pequena confirmação nas “Configurações” do sistema.

Criptografia do Android

Este item da criptografia, assim como mostra a imagem acima, geralmente fica na parte de “Tela de bloqueio e segurança”, mas isso pode mudar de acordo com a fabricante do seu celular.

Controle as notificações que aparecem

As notificações enviadas pelos aplicativos são bem úteis para que você não precise abri-los a todo instante, entretanto, qualquer pessoa que veja o seu celular pode saber o que anda “acontecendo” nele através delas. Assim, nas próprias configurações do Android, é sempre bom definir quais apps podem ou não te enviar as notificações, assim como configurar se elas devem ou não aparecer quando o aparelho está bloqueado.

Notificações do Android

Inclusive, em alguns casos mais específicos, certas fabricantes deixam no Android a opção de “esconder notificações sensíveis”, algo que pode ser útil para certos tipos de aplicativos.