EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Uma falha nos serviços de nuvem da IBM (IBM Cloud) em São Paulo está afetando vários sites na manhã desta segunda-feira.

Como consequência, os serviços de empresas como a Caixa Econômica Federal, Nubank e Trello estão sendo afetados pela falha, além do jogo FreeFire. Todos usam os serviços da IBM Cloud para hospedagem de sua infraestrutura digital.

publicidade

Segundo um painel de status do serviço no site da empresa, o problema afeta servidores na localização São Paulo 01 e seria relacionado a uma “falha na refrigeração” do data center, mais especificamente um rompimento na principal linha que fornece água para as torres de resfriamento da instalação.

Painel de status da IBM Cloud. Imagem: Reprodução

A falha começou às 5h52 (horário de Brasília). Às 13h15 a temperatura no data center já havia se estabilizado. Às 15h22 a empresa informou que “alguns consumidores estão começando a ganhar acesso aos seus recursos já que os roteadores mestre no backend, e switches mestre e agregados estão novamente online”.

Entretanto, “consumidores terão problemas intermitentes de conectividade enquanto os outros dispositivos e serviços são colocados online”. Procurada por nossa equipe, a assessoria de imprensa da IBM se limitou a nos indicar um tweet na conta oficial do serviço IBM Cloud no Twitter.

“Uma falha de refrigeração no prédio que hospeda o data center da IBM Cloud em São Paulo causou uma interrupção temporária do serviço. A IBM está trabalhando com todos os envolvidos para restaurar o serviço o mais rápido possível”, diz a mensagem.

publicidade

Rede Ponto Certo foi afetada

A Rede Ponto Certo foi uma das empresas afetadas pelo problema. A empresa opera serviços de recarga de cartões de transporte, telefonia, jogos e zona azul nas regiões de São Paulo, Recife e Maceió.

Em nota, a empresa afirmou que mais de 2.000 pontos credenciados e 10 mil usuários foram afetados, e cerca de 65 mil transações deixaram de ser realizadas nesta segunda-feira (7).

Além disso, os pontos credenciados não conseguiram imprimir os boletos para pagamento das transações realizadas no fim de semana. Por isso, alguns usuários do aplicativo não conseguiram validar seus créditos.

A falha também afetou usuários do transporte público nas cidades mencionadas, já que não conseguiram realizar recargas em seus cartões de transporte nos pontos da Rede Ponto Certo.

A rede Ponto Certo afirma que seu time de engenharia está em contato com a IBM para que o serviço seja restabelecido o mais breve possível.

Nuvem da Amazon também teve problemas

Por coincidência, usuários da nuvem da Amazon (AWS, Amazon Web Services) também tiveram problemas de disponibilidade nesta segunda-feira, causadas por “falhas de energia e conectividade” na zona de disponibilidade sae1-az3 na região SA-EAST-1, correspondente a São Paulo.

Segundo o painel de status do AWS, os problemas começaram às 4h10 (horário de Brasília) desta segunda-feira (7), e às 7h25 mais servidores foram afetados. Sinais de recuperação do serviço surgiram às 9h, e o serviço foi totalmente restaurado às 10h45.

Erramos: o texto foi corrigido
Em nota, os Correios esclarecem que o sistema utilizado pela rede de atendimento apresentou lentidão na tarde desta segunda-feira (7). A situação foi pontual – os Correios não hospedam seus sistemas corporativos na nuvem da IBM Cloud.

A Microsoft também informa que não utiliza os serviços da IBM Cloud, e que a falha registrada por usuários do Teams foi pontual. A causa não foi informada.

O texto foi corrigido.