EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Agendada para esta terça-feira (8), às 11h, o primeiro voo de teste da Starship em alta altitude foi abortado no último segundo. Futuramente, caso os testes sejam positivos – com tecnologia e condições climáticas cooperando-, a nave espacial reutilizável da SpaceX deve transportar cargas e pessoas para qualquer lugar da Terra e, eventualmente, para a Lua, Marte e além.

O objetivo com o protótipo (SN8) da empresa, chefiada por Elon Musk, era o de atirá-lo a uma altitude de 12,5 quilômetros – ao que se sabe, a mais alta até então – para então fazê-lo planar e pousar verticalmente em uma plataforma próxima ao local de lançamento.

publicidade

Após vários adiamentos durante o dia, um aborto automático ocorreu faltando apenas 1.3 segundos restantes na contagem regressiva. Segundo informações da SpaceX em transmissão pela web, não há qualquer data programada para uma nova tentativa.

Teste com protótipo Starship é abortado segundos antes do lançamento. Imagem: SpaceX/Reprodução
Teste com protótipo Starship é abortado segundos antes do lançamento. Imagem: SpaceX/Reprodução

Ao todo, a empresa chefiada por Musk coleciona cinco voos testes com a Starship, entretanto, todos eles não ultrapassaram os 150 metros com os modelos mais simples. O protótipo usado nesta terça é envolvida com aço inoxidável e a primeira com um cone de nariz, ‘abas’ corporais e três Raptor motores. Para construir e testar as Starships, a SpaceX assumiu Boca Chica, extremo sudeste do Texas (EUA).

Via: The Associated Press

publicidade