EnglishPortugueseSpanish
publicidade

A Toyota divulgou nesta segunda-feira (7) um comunicado no qual afirma que seu primeiro carro totalmente elétrico, um SUV de tamanho médio, será anunciado nos próximos meses.

O veículo será baseado em uma plataforma para carros totalmente elétricos chamada e-TNGA, que segundo a montadora tem como principal destaque sua versatilidade. Ela permite que a largura, comprimento, distância entre as rodas e altura do veículo sejam personalizados de acordo com a necessidade do projeto. Também pode acomodar carros com tração frontal, traseira ou nas quatro rodas, com motores de capacidade variada de acordo com o tipo do veículo e perfil de uso.

publicidade

A plataforma permite que o tempo de desenvolvimento para diferentes variantes de um carro seja reduzido, e que modelos individuais sejam desenvolvidos em paralelo. A Toyota afirma que o primeiro modelo baseado na e-TNGA já foi desenvolvido e está sendo preparado para fabricação, que será feita na Toyota ZEV Factory no Japão.

Segundo Koji Toyoshima, diretor-executivo adjunto da fábrica, “a Toyota irá em breve dar o próximo passo na introdução de seu portfólio de carros totalmente elétricos à bateria apresentando nos próximos meses um SUV de tamanho médio completamente novo. A versatilidade e flexibilidade da tecnologia e-TNGA nos permite projetar e criar veículos que não são só movidos a bateria, mas também empolgantes ao dirigir e belos ao olhar”.

A Toyota não divulgou nenhuma informação extra sobre o veículo além de um esboço de suas formas, que mostramos abaixo.

Esboço do novo carro totalmente elétrico da Toyota, que será apresentado nos próximos meses. Imagem: Toyota
Esboço do novo carro totalmente elétrico da Toyota, que será apresentado nos próximos meses. Imagem: Toyota

Hyundai também aposta em carros totalmente elétricos

Outra fabricante que anunciou recentemente uma plataforma para carros totalmente elétricos é a sul-coreana Hyundai. Batizada de E-GMP (Electric-Global Modular Platform, Plataforma Elétrica Modular Global), ela oferecerá aos motoristas desempenho “poderoso”, maior autonomia, mais recursos de segurança e maior espaço interior para os ocupantes e bagagem.

publicidade

Os primeiros veículos a utilizar a plataforma serão o IONIQ 5, da própria Hyundai, e o primeiro veículo elétrico à bateria da Kia Motors, que será revelado em 2021. O grupo pretende lançar 23 BEVs e atingir um volume total de vendas de 1 milhão de unidades até 2025.