EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Novidade para quem já tem a atualização do iOS para a versão 14.3 em aparelhos da Apple como o iPhone. Agora, a Siri emite sons de bichos, instrumentos musicais e outras amostras de áudio do mundo real.

Assim sendo, basta que o usuário pergunte “Ei, Siri, como é o som de…?”, e ela mostrará. A função vale para HomePod, iPhones e iPads, sendo que nestes dois últimos casos, a assistente virtual também mostra a foto do animal ou objeto e um link da Wikipedia.

publicidade

De acordo com a Apple, existem vários clipes de áudio deste tipo no sistema, que englobam desde animais até carros. Cabe destacar que os sons emitidos são realistas, e não exagerados ou de desenhos animados, assim como lembra o site da CNBC.

Na nova atualização do iOS, a Apple deu à Siri a capacidade de reproduzir sons de animais, etc. Créditos: Wachiwit/Shutterstock

Sons emitidos pela Siri

Segundo a publicação, a atualização do iOS adiciona à Siri a capacidade de emitir sons de leões, tigres, hienas pintadas, etc. Os usuários também podem conferir sons de ambulâncias regionais e carros de polícia e áudios de instrumentos de sopro, metais, percussão e cordas comuns.

Em relação ao som de animais, surpreendentemente, a Siri possui latinos de cães de diferentes raças. É possível comparar vários sons de cachorros com a nova ferramenta.

Dessa forma, o recurso torna-se ainda mais envolvente, principalmente para crianças. O Google Assistente já possui um recurso parecido, mas a Apple ainda não havia se adequado neste sentido. A Siri também conta piadas, assim como a Alexa, da Amazon, que inclusive desenvolveu a habilidade de contar piadas mais engraçadas por meio de inteligência artificial.

publicidade

Deficiências do sistema

Apesar da promessa de uma infinidade de sons, experimentos com a nova função da Siri após a atualização do iOS já mostraram que o sistema ainda está limitado. Áudios da natureza, como trovão ou cachoeiras, por exemplo, não são emitidos pela ferramenta. De qualquer maneira, a assistente consegue reconhecer quando uma pergunta não faz sentido, como “Ei, Siri, como é o som de um humano?”.

Em alguns casos, as imperfeições técnicas ficam mais evidentes. Dependendo da pergunta, a Siri começa a responder, para, pede desculpas e retorna à pergunta. Por isso, a melhor solução é testar por tentativa e erro para saber do que a Siri é capaz.

Via: CNBC