EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Uma bola de fogo cruzou os céus de São Paulo na noite de terça-feira (15). O fenômeno foi registrado por câmeras de monitoramento, bem como por pessoas que tiveram a sorte de presenciar a passagem do corpo celeste pela Terra. O “fireball”, como também é conhecido, chamou a atenção pela luminosidade, considerada cem vezes mais intensa que a do planeta Vênus.

O momento foi capturado por três câmeras da Rede Brasileira de Observação de Meteoros, a Bramon, situadas em Nhandeara e Indiaporã (SP), e por outras cinco do Clima ao Vivo. Embora o tempo chuvoso tenha prejudicado alguns registros que poderiam ter sido feitos, alguns divulgados nas redes sociais conseguem mostrar com clareza o luminoso passando pelo céu.

publicidade

Ainda segundo a Bramon, o meteoro também foi visto no horizonte de Minas Gerais e Mato Grosso do Sul. Dessa forma, o observatório acredita que o corpo celeste tenha entrado na atmosfera da Terra por volta das 21h35 (horário de Brasília) e que o evento tenha durado 10 segundos.

Entrada na atmosfera

Acredita-se que a bola de fogo tenha atingido a atmosfera em um ângulo de 18,6° em relação ao solo. Além disso, cálculos revelam que o corpo celeste estava viajando a 34,4 mil km/h.

Apesar de a rapidez parecer estrondosa, Marcelo Zurita, diretor técnico da Bramon, destacou que o fireball foi um tanto quanto lento se comparado com outros da mesma natureza. “Ele foi, relativamente, muito lento. Sua velocidade foi baixa porque ele atingiu a Terra de Oeste para Leste, no mesmo sentido da rotação e do deslocamento do nosso planeta ao redor do Sol“, explicou.

Já sobre a luminosidade, o meteoro visto em São Paulo foi realmente destaque. Isto porque ele chegou a -9,5 na escala de magnitude. Ou seja, no método utilizado para medir o brilho de objetos celestes, a bola de fogo atingiu nível cerca de cem vezes mais brilhoso que Vênus.

publicidade
Momento da passagem do fireball pelo céu do Paraná. Créditos: André Casagrande/Bramon/Reprodução

O momento da passagem do meteoro pelo Brasil foi registrado pelo fotógrafo amador André Casagrande. De Primeiro de Maio, no Norte do Paraná, Casagrande fotografou o fireball iluminando o céu estrelado.

Fonte: Bramon/Uol