EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Atualmente, jogadores que assinam o Game Pass da Microsoft e foram convidados para testar o Project xCloud conseguem fazer o stream de jogos diretamente pela nuvem. É necessário apenas um controle com conexão Bluetooth e um aparelho com sistema operacional Android.  

Até o momento, é necessária uma assinatura do já citado Game Pass para ter acesso à função. No entanto, no futuro, isso pode mudar. Durante um episódio do podcast de Major Nelson, Phil Spencer, chefe da divisão Xbox, disse que está aberto à ideia de permitir que os usuários possam comprar seus jogos de maneira individual e jogá-los sem a necessidade de uma assinatura – como acontece atualmente com o Google Stadia.  

publicidade

“Nossa aspiração de longo prazo é fazer do xCloud uma ótima maneira para novos jogadores entrarem no ecossistema. Agora, queremos dar às pessoas a possibilidade de comprar. Já conversamos sobre isso. Não queremos torná-lo apenas uma assinatura, porque sabemos que certas pessoas podem querer comprar seus jogos e ainda jogá-los por meio da nuvem”, disse Phil.  

Vale citar que Spencer não chegou a sugerir um cenário em que o jogo é comprado uma vez e pode ser jogado em qualquer lugar via nuvem – apesar de ser o que se espera. A Microsoft chegou a tentar algo parecido, com a iniciativa “Play Anywhere”, em que os clientes compravam um game na Microsoft Store e poderiam jogá-lo no Xbox e PC sem custo adicional.  

Adicionar o xCloud à mistura pode levar o “Play Anywhere” para outro nível – embora a Microsoft provavelmente precise de autorização de vários estúdios antes de disponibilizar seus jogos via streaming. 

Utilização do xCloud

Para utilizar o xCloud, os usuários precisam de um controle compatível, uma assinatura do Game Pass e um aparelho Android. Foto: Microsoft/Divulgação

O Project xCloud pode ser utilizado de qualquer lugar, desde que haja conexão com a internet – também via redes móveis. Ele funciona em celulares e tablets Android com o aplicativo Xbox Game Streaming (Preview), disponível no Google Play. A versão para dispositivos móveis da Apple deverá ser lançada em versão web, isso por causa das restrições aplicadas pelas políticas da empresa – já criticadas pela Microsoft.

publicidade

Usuários do serviço poderão jogar utilizando um controle via Bluetooth ou por comandos na tela do próprio dispositivo. Como ele funciona na nuvem, os saves também poderão ser utilizados em múltiplos aparelhos. Inicialmente, o serviço está em período de testes por aqui. Para participar, basta se inscrever no site dedicado. Esse período de experimentação servirá para a Microsoft coletar o feedback dos próprios jogadores.

Via: OnMSFT