Astrônomos da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, conseguiram estudar as medidas de um planeta que tem cinco vezes o peso de Júpiter.

Apelidado de “GOT ‘EM-1b”, o corpo foi descoberto há dez anos e está a cerca de 1.300 anos-luz da Terra.

publicidade

Parece bem longe, não é? Mas os pesquisadores dizem que esse planeta gigante ainda está dentro da nossa “vizinhança espacial”.

Paul Dalba, que liderou a pesquisa, contou que é difícil medir o tamanho e a massa de grandes planetas. Isso porque eles normalmente têm uma órbita irregular.

No caso de “GOT ‘EM-1b”, segundo o astrônomo, a operação foi mais simples porque o “pesadão” tem movimentos estáveis e sem muitas variações.

A descoberta foi detalhada em documento publicado pelo Astronomical Journal e missões futuras da Nasa podem se beneficiar deste estudo.

O telescópio espacial Nancy Grace Roman, por exemplo, pretende compor a imagem direta de planetas gigantes.