EnglishPortugueseSpanish

A Apple é a nova gigante da tecnologia que considera criar o seu próprio serviço de assinatura premium de podcasts. De acordo com informações do portal The Information, a empresa, inclusive, já estaria negociando parcerias com outras empresas do ramo.

Levando em consideração que a Apple foi um dos nomes mais importantes do mercado na popularização dos podcasts, graças a produtos como iPod e iTunes, faz sentido a empresa pelo menos considerar explorar essa nova categoria de mídia no futuro.

publicidade
Apple Podcasts
Apple Podcasts é um dos players mais utilizados pelos ouvintes de podcasts. Imagem: Primakov/Shutterstock

Spotify e Amazon avaliam mercado de podcasts

O Spotify também vem dando sinais, desde o ano passado, de que pode criar o seu próprio serviço de assinatura de podcasts. Líder no segmento de streaming de áudio, a companhia já investiu quase US$ 1 bilhão nesse tipo de mídia para fechar novas parcerias com nomes importantes do segmento, como Joe Rogan. Seu podcast “The Joe Rogan Experience”, um dos mais populares do mundo, já contou com convidados como Elon Musk, Neil DeGrasse Tyson, Jay Leno, Macauley Culkin e Jordan Peterson

A Amazon é outra empresa que acompanha de perto a evolução do mercado de podcasts. Recentemente, a gigante do varejo adquiriu a rede independente de podcasts Wondery por US$ 300 milhões.

Por fim, vale ressaltar que a Apple já produz podcasts autorais desde o ano passado. A Maçã gravou uma série de entrevistas apresentadas no Apple Music pelo radialista, DJ e produtor musical Zane Lowe. Segundo a Bloomberg, desde maio do ano passado, a Apple avalia a compra de alguns podcasts para torná-los exclusivos em suas plataformas.

Apesar da Maçã flertar frequentemente com a ideia de oferecer novos serviços, ainda não ficou claro quando a novidade pode sair do papel.

publicidade

Fonte: The Information, Engadget, Bloomberg