A Mercedes-Benz revelou seu mais novo modelo de SUV elétrico, o compacto EQA. Baseado na linha de crossovers (carros de passeio com características de SUV) GLA, ele deve começar a ser produzido ainda este ano na Europa.

Com bateria de 66,5 kWh, considerada ligeiramente acima da média encontrada em carros elétricos, o Mercedes EQA terá autonomia estimada de 300 milhas (482,8 km) a cada carga. Para efeito de comparação, o maior modelo de bateria dos veículos da Tesla, referência no mercado de automóveis elétricos, tem 100 kWh.

publicidade

É provável que o EQA, que será comercializado com o nome EQA 250 e custará 39.950 € (cerca de R$ 255 mil em conversão direta), fique limitado ao mercado europeu. De acordo com o The Verge, um porta-voz da Daimler, proprietária da Mercedes-Benz, afirma que a companhia estuda a possibilidade de levá-lo para os EUA, mas é praticamente certo que o país receba o Mercedes EQB, baseado na linha GLB da montadora.

Mercedes EQA é baseado na linha de crossovers GLA. Crédito: Mercedes-Benz/Divulgação

A autonomia do Mercedes EQA segue o padrão New European Driving Cycle. Essa especificação mede os níveis de emissão e a economia dos motores de carros de passeio, bem como representa o uso típico de veículos naquele continente. Se chegar ao território americano, o modelo deve ser submetido a testes de agências locais. Isso pode diminuir sua autonomia estimada para menos de 300 milhas, já que essas análises são consideradas mais fieis à performance real dos automóveis.

A fabricante afirma que há planos de comercializar variantes do SUV compacto. Isso inclui um modelo com tração AWD (all-wheel drive) com transmissão elétrica para elevar a potência para 200 kW, o que, por sua vez, aumentaria a autonomia para 500 km.

O Mercedes EQA não vem com a recém-anunciada MBUX Hyperscreen, a tela inteligente de 1,40m que combina sensores, câmeras, painéis OLED e um computador poderoso em uma única peça. No entanto, os compradores podem optar por duas telas de 7 polegadas ou um display widescreen de 10,25 polegadas. Ambos usam a nova interface de infoentretenimento MBUX, controlada por toque e voz.

Via: The Verge

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!