EnglishPortugueseSpanish

O processo de transição das contas da gestão Trump para o novo presidente dos EUA, Joe Biden, veio acompanhado de uma nova prática do Twitter. A rede social optou por remover todos os seguidores dos perfis oficiais do governo.

O Twitter confirmou a medida em dezembro, no entanto, desde a posse do democrata Joe Biden nesta quarta-feira (20), os novos perfis do governo vêm acumulando milhões de novos seguidores.

publicidade

O perfil oficial de Biden se tornou @POTUS e já contabiliza mais de cinco milhões de seguidores.

Perfil oficial de JOe Biden no Twitter. Imagem: Twitter/Reprodução

As contas referentes a Casa Branca, ao presidente, a vice-presidente, primeira dama e a nova Secretária de Imprensa da Casa Branca também mudaram. O perfil ‘@Transition46’ passou a ser ‘@WhiteHouse .

Assim como o perfil de Biden, também mudou o perfil da vice-presidente Kamala Harris (‘@SenKamalaHarris’), que passa a assumir a conta ‘@VP’. Por fim, as contas da primeira dama Jill Biden (‘@FLOTUSBiden’) e de Jen Psaki (‘@PressSecPsaki’), mudaram respectivamente para ‘@FLOTUS’ e ‘@PressSec’.

Depois da posse de Joe Biden, todas as contas referente ao governo Trump — ‘@POTUS45’, ‘@WhiteHouse45’, ‘@VP45’, ‘@PressSec45’, ‘@FLOTUS45’ e ‘@SecondLady45’ — foram arquivadas pela rede social.

publicidade
Joe Biden
Joe Biden faz o juramento na cerimônia de posse no Capitólio. Imagem: mccv/Shutterstock

Nova política do Twitter

Por enquanto, a rede social ainda não declarou o que motivou a nova política de transição de contas. Em declaração ao portal The Verge, o microblog disse apenas que “já vinha discutindo com a equipe de Biden sobre alguns aspectos relacionados às mudanças de contas.”

Essa prática também difere do processo adotado pelo Twitter quando a equipe de Trump assumiu as contas do governo Obama. Na época, a empresa apenas duplicou os perfis no microblog, arquivando os tuítes da gestão Obama, porém mantendo o número de seguidores.

De acordo com a rede social, quem seguiu os perfis do governo Trump no dia da posse de Biden será notificado sobre o processo de transição. Nesse caso, o Twitter vai oferecer a opção de seguir as novas contas do governo.

Vale destacar que o microblog é um dos canais de comunicação mais utilizados pelos governantes nos EUA. A ‘@PUTUS’, por exemplo, tinha mais de 33 milhões de seguidores antes da posse de Biden, seguido pela ‘@WhiteHouse’ com 26 milhões de seguidores.

Fonte: The Verge