EnglishPortugueseSpanish

Apesar de enfrentar problemas nos últimos anos envolvendo sua divisão de smartphones, a LG decidiu apostar em aparelhos intermediários em 2020. No entanto, isso parece não ter sido suficiente.  

Recentemente, para tentar se destacar de outras empresas, a marca revelou a existência do LG Rollable, um smartphone com uma tela ‘enrolável’ que conta com um mecanismo que faz com que o display se expanda e se retraia, ganhando um formato de tablet ou de celular convencional dependendo da preferência do usuário. 

publicidade
Aparelho se desenrola para aumentar o tamanho do display. Foto: LG/Reprodução

No entanto, de acordo com uma publicação do Korea Herald, os planos de lançamento do aparelho ainda não foram decididos. Isso porque há rumores de que a empresa negocia a venda de sua divisão de smartphones.  

Esse movimento seria resultado de problemas no segmento de celulares da LG – ao contrário de outras áreas, em que a empresa apresentou resultados bastante positivos durante o ano anterior.  

Ao que parece, a marca teve um prejuízo de US$ 723 milhões durante todo o ano de 2020. A perda operacional total desde 2015 está em torno de US$ 4,5 bilhões. Mesmo que a LG encontre uma forma de popularizar sua divisão de celulares, pode ser que o Rollable seja deixado de lado para que dispositivos convencionais cheguem ao mercado.  

Uma outra aposta da empresa, o LG Wing, ganhou o CES Innovation Award, mas foi um fracasso financeiro depois de vender menos de 100 mil unidades desde seu lançamento. Por isso, parece que os usuários ainda não estão prontos para abandonar os smartphones padrão – obviamente o preço também pode ser um fator decisivo.  

Não é surpresa que os smartphones dobráveis ainda sejam voltados para um nicho específico de usuários. Por isso, alguns especialistas da indústria acreditam que o LG Rollable já foi cancelado – apesar da companhia ainda não revelar o futuro do dispositivo. 

Via: GizChina