Covid-19: cidade de SP recebe primeiro lote da vacina de Oxford

Nesta segunda-feira (25) a cidade de São Paulo recebeu o primeiro lote da vacina de Oxford, desenvolvida em parceria com a biofarmacêutica AstraZeneca. O lote é composto por 165,3 mil doses do imunizante.

As vacinas começam a ser distribuídas na terça-feira (26), dos cinco postos de distribuição da capital paulista para os hospitais. No total, a cidade já recebeu 368,3 mil doses de vacinas contra a Covid-19. Inicialmente, foram distribuídas 203 mil doses da Coronovac, produzidas pelo Instituto Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac Biotech.

Vale lembrar que na última sexta-feira (22), desembarcaram no Brasil duas milhões de doses da vacina de Oxford encomendadas da Índia pelo governo federal.

Capital paulista recebe 165 mil doses da vacina de Oxford. Imagem: Rawf8/Shutterstock

A carga foi recebida no aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, e foi encaminhada para o Rio de Janeiro. Onde será recebida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e distribuída proporcionalmente entre todos os estados.

Campanha de vacinação contra a Covid-19

A campanha de imunização contra a Covid-19 começou na última terça-feira (19) em São Paulo. A primeira fase, visa proteger os profissionais da saúde que atuam no combate à Covid-19, a população indígena, os quilombolas e idosos com mais de 60 anos que residem em casas de repouso.

O governo municipal diz que a capital tem capacidade suficiente para imunizar até 600 mil pessoas por dia. Os profissionais de saúde vão receber a vacina nos hospitais. Já os idosos, bem como os funcionários das casas de repouso, serão imunizados nas suas respectivas instituições.

Imagem: Governo de São Paulo/Reprodução

Por fim, o governo estadual iniciou nesta semana a distribuição de mais 501 mil doses da vacina de Oxford destinadas para os 645 municípios paulistas. De acordo com o Vacinômetro — plataforma do governo João Dória (PSDB) que mostra o número de pessoas imunizadas em tempo real — mais de 155 mil pessoas já receberam a vacina no estado de São Paulo.

Fonte: Folha

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Esta post foi modificado pela última vez em 26 de janeiro de 2021 11:30

Compartilhar
Deixe seu comentário
Publicado por
Gabriel Sérvio