Novos dados de transparência divulgados pela Amazon mostram que a empresa respondeu a um número recorde de pedidos de governos por dados de usuários nos últimos seis meses de 2020.

Os novos números aparecem no relatório semestral da empresa, publicado no site da Amazon no fim de semana.

publicidade

No documento, a empresa informou que processou 3.222 solicitações do tipo nos primeiros seis meses do ano passado.

Já entre julho e dezembro de 2020, foram registrados 27.664 pedidos de governos. Ou seja, o aumento foi de cerca de 800%.

A empresa ainda afirmou que entregou dados de conteúdo do usuário em apenas 52 casos.

Além do aumento na demanda, o relatório aponta outra mudança. Tradicionalmente, os Estados Unidos respondem pela maior parte dos pedidos do governo.

Porém, no segundo semestre de 2020, o país ficou em quarto lugar, com 11% das solicitações. Ficando atrás da Alemanha, com 42%, Espanha, 18%, e Itália, com 11,2%.