O Motorola Edge S, o primeiro celular do mercado com o processador Snapdragon 870 da Qualcomm, chegou às prateleiras na China nesta quarta-feira.

E por lá, ele fez muito sucesso. A fabricante vendeu todo o primeiro lote de 10.000 unidades do aparelho em apenas dois minutos.

publicidade

O preço do modelo mais simples no varejo chinês é de US$ 309, cerca de R$ 1.650. A versão intermediária custa US$ 371, o que dá mais ou menos R$ 2 mil. Já o mais completo não sai por menos de US$ 433, cerca de R$ 2.310.

O aparelho chega ao mercado com suporte para cartões microSD de 1 TB e conta com uma tecnologia de armazenamento que entrega mais rapidez e economia de energia.

O dispositivo tem ainda um conjunto de quatro câmeras na parte traseira, além de uma lente que funciona em conjunto com um sensor e que aprimora as fotos em profundidade.

A bateria, segundo a Motorola, pode durar mais de dois dias e suporta carregamento rápido de 20 watts.

Mas quem se animou, vai ter que esperar. Ainda não há data de lançamento do aparelho no resto do mundo.