EnglishPortugueseSpanish

O jogo “Final Fantasy XIV” recebeu dois anúncios importantes por parte da publisher Square Enix. O primeiro é a confirmação de que o MMO baseado na longeva franquia de RPG de fato chegará ao PlayStation 5, enquanto o segundo revela a nova expansão do título, chamada “Endwalker”.

Segundo a Square Enix, “Final Fantasy XIV” contará com resolução 4K e “taxa aprimorada de quadros” (framerate) no atual console da Sony. A empresa inclusive divulgou um trailer em que dá para ter uma ideia da qualidade de imagem que vem por aí:

publicidade

Final Fantasy XIV: Endwalker

A nova expansão “Endwalker” adiciona mais um episódio ao longo arco da história do jogo online, citando uma ameaça ainda maior a ser enfrentada pelo jogador.

“[A expansão] ‘Endwalker’ traz o clímax dos arcos de Hydaelyn e Zodiark, nos quais os Guerreiros da Luz encontrarão uma calamidade ainda maior do que antes conforme viajam aos cantos mais escuros do mundo de Hydaelyn e até mesmo à Lua. Além de trazer o longo arco, que começou com ‘A Realm Rebord’, à sua conclusão, ‘Endwalker’ marcará um novo começo ao amado MMO, preparando o terreno para novas aventuras que fãs de longa data e novos jogadores poderão viver juntos”.

Em evento recente, a Square Enix também revelou uma nova classe para o jogo – “Sage” -, que faz de você o curandeiro de um grupo de ataque. Outras imagens também mostram a popular invocação “Anima”, uma das mais lembradas da franquia.

Para quem não entendeu, “Final Fantasy XIV” foi originalmente lançado em 2010, mas recebeu tantas críticas relacionadas a bugs e erros grotescos de funcionamento que o diretor e produtor originais deixaram o projeto. A Square Enix, por sua vez, desligou os servidores ao trazer um “evento de morte”, onde a invocação Bahamut “destruía” o mundo em 2012.

publicidade

“Final Fantasy XIV: A Realm Reborn” marcou o relançamento do projeto online – este sim, aclamado pelos fãs do MMORPG e que perdura até hoje. Desde então, o jogo vem sendo muito bem recebido pelos fãs e crítica especializada, contando com quatro expansões massivas: “Heavensward” (2015), “Stormblood” (2017), “Shadowbringers” (2019) e, agora,  “Endwalker” (2021).

Final Fantasy XIV: expansão "Endwalker" trará a ocupação "Sage", especial para curandeiros. Imagem: Square Enix/Divulgação
Nova expansão de “Final Fantasy XIV”, “Endwalker” trará a ocupação “Sage”, especial para curandeiros. Imagem: Square Enix/Divulgação

O interessante é que a descrição da nova expansão dá a entender que o jogo pode passar por um novo recomeço, embora a Square Enix tenha mantido absoluto silêncio sobre o assunto.

Vale lembrar: “Final Fantasy XIV” é um MMORPG de assinatura, ou seja, você tem que pagar uma mensalidade para poder jogá-lo. O valor base é de US$ 30, fora o preço pela aquisição do jogo. Ah, e as expansões também são vendidas separadamente.

O jogo está em beta aberto no PlayStation 5 e deve fechar-se em definitivo junto com a chegada da expansão “Endwalker”.

Fonte: Square Enix