Categoras: Vídeos

FBI consegue ler mensagens por falhas em iPhones 11 e SE

Falhas nos aparelhos da Apple, mais precisamente nos iPhones 11 e SE de segunda geração, podem permitir que o FBI tenha acesso a conteúdos no Signal ou qualquer outro mensageiro, mesmo com os celulares bloqueados.
Essa informação foi encontrada em metadados de screenshots de conversas entre suspeitos. Segundo Sean Hughes, do programa de estudos de extremismo da George Washington University, nos EUA, eles mostram que as conversas no Signal foram obtidas enquanto o iPhone estava em um modo conhecido como AFU Parcial, que nada mais é quando o smartphone está ligado, mas não desbloqueado.


Sobre a brecha nos aparelhos, a Apple se recusou a comentar, mas sugeriu informações em pesquisas anteriores sobre aparelhos no modo AFU, mostrando que é necessário ter acesso físico a um aparelho e que o processo tem alto custo.


Já um porta-voz do Signal afirmou que “se uma pessoa tem a posse física de um aparelho e pode explorar uma vulnerabilidade não corrigida do Android ou iOS para driblar a tela de bloqueio, então esta pessoa poderá interagir com o aparelho como se fosse seu proprietário”. Traduzindo: se você tem um smartphone desbloqueado nas mãos, pode fazer o que quiser com ele.


Para aumentar a proteção de curiosos, o Signal recomenda manter os aparelhos atualizados e escolher uma senha forte para a tela de bloqueio, o que pode ajudar a proteger suas informações se o aparelho for perdido ou roubado.

Esta post foi modificado pela última vez em 16 de fevereiro de 2021 20:58

Compartilhar
Deixe seu comentário
Publicado por
Elias Silva