Categoras: Games e Consoles

‘Valheim’ bate novo recorde na Steam e chega a 3 milhões de cópias vendidas

Lançado há pouco mais de três semanas em Acesso Antecipado na Steam, ‘Valheim’ já é um dos maiores sucessos da plataforma. O jogo de sobrevivência da Iron Gate está em terceiro lugar entre os mais jogados, com um pico de mais de 500 mil jogadores simultâneos online.

Com isso, ‘Valheim’ ultrapassou o recorde histórico de Terraria, que juntou 489 mil jogadores ao mesmo tempo. Em geral, o game está atrás só de pesos-pesados da indústria: ‘PUBG’, ‘Counter-Strike: Global Offensive’, ‘Dota 2’ e ‘Cyberpunk 2077’.

O sucesso do jogo também se reflete no stream. ‘Valheim’ atualmente é o sétimo jogo mais assistido no Twitch, à frente de ‘CS: GO’, ‘Dota 2’, ‘Minecraft’ e ‘Rust’. Foram mais de 20 milhões de horas de jogo desde o lançamento, e um pico de 147 espectadores simultâneos no último dia 17.

A Iron Gate Studio já prometeu novos biomas, inimigos e melhorias para o combate – uma ótima maneira de manter o hype vivo. A trajetória de ‘Valheim’ é surpreendente, especialmente se considerarmos que ele foi desenvolvido por uma equipe de cinco pessoas de uma pequena desenvolvedora sueca.

A Coffee Stain, também sediada na Suécia, abraçou a ideia em 2019 e entrou como editora.  A empresa já tinha lançado jogos como “Goat Simulator” e “Satisfactory”, antes de abrir uma divisão para distribuição de terceiros.

“Esse nível de sucesso é um território desconhecido para a Coffee Stain. Felizmente, temos em nossa equipe Daniel Kaplan, que fez parte da ascensão do Minecraft, bem como os desenvolvedores verdadeiramente notáveis ​​em Iron Gate. Estamos entusiasmados por estarmos juntos nesta jornada”, afirmou Albert Säfström, CEO da Coffee Stain.

“Valheim” coloca até dez jogadores em um cenário inspirado pela mitologia viking, com o objetivo de sobreviver e alcançar Asgard. Para isso, os personagens terão que explorar cooperativamente o purgatório nórdico, recolhendo recursos, construindo e lutando. O jogo está disponível para PC e Linux por R$ 37,99.

Via: Collider

Esta post foi modificado pela última vez em 22 de fevereiro de 2021 17:35

Compartilhar
Deixe seu comentário
Publicado por
Renato Mota