O Amazônia-1, primeiro satélite 100% brasileiro, opera normalmente. Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, o Inpe, já começou a enviar imagens do espaço nesta quarta-feira.

Ontem, medições realizadas por rastreadores dos Estados Unidos e da Itália apontaram que o dispositivo estaria girando fora de controle.

publicidade

Clézio di Nardin, diretor do Inpe, negou que o satélite esteja descontrolado e garantiu que não há registro de qualquer intercorrência.

O primeiro alerta foi feito pelo grupo USA Satcom. A mensagem postada no Twitter dizia que o Amazônia-1 parecia estar “capotando”.

publicidade

Resumindo: isso significaria a possibilidade de um problema com o controle de altitude, e a rotação poderia dificultar a captação de sinal.

A principal missão do Amazônia 1 é monitorar áreas de desmatamento da floresta amazônica.