Categoras: Pro

IBM inicia operação da 1ª multizone region da América Latina no Brasil

A IBM anunciou nesta terça-feira (16) o início das operações da sua multizone region (MZR) para a América Latina – complexo de data centers interligados, composto por três ou mais zonas de serviços em nuvem da companhia. O Brasil foi o escolhido para iniciar a primeira operação do tipo na região.

A multizone region foi erguida a partir do data center já existente da empresa em Jundiaí, no interior de São Paulo, e tem como principal intuito apoiar a adoção de nuvem híbrida por companhias, ajudando a promover o crescimento dos negócios na região – especialmente no período de pandemia, no qual diversas companhias estão acelerando suas operações rumo ao digital.

“Com orgulho, expandimos nossos investimentos e presença no Brasil oferecendo altos níveis de confiabilidade, segurança e controle para criar novos modelos de negócio baseados em uso massivo de dados e inteligência artificial, e apoiados em nuvem híbrida”, afirma Katia Vaskys, Gerente Geral da IBM Brasil.

Brasil é o primeiro país da América Latina a receber a operação.
Crédito: divulgação/IBM

Nesta primeira fase, clientes poderão usufruir de um conjunto de soluções de infraestrutura como serviço (IaaS, na sigla em inglês) e de armazenamento, que focam no fornecimento de segurança e controle do tráfego da rede, proteção de dados sensíveis, sistemas de backup e recuperação.

A ideia é liberar outras soluções do portfólio IBM Cloud ao longo de 2021, incluindo opções de serviços de plataforma, além de capacidades de inteligência artificial com o IBM Watson, blockchain, internet das coisas (IoT) e analytics.

IBM Cloud Multizone Region

A notícia de que o Brasil teria uma multizone region ocorreu no fim de 2019, quando a IBM relatou alguns planos de expansão para a sua cloud em solo brasileiro.

Leia também:

Mesmo interligadas, essas zonas operam de forma independente, cada uma contendo sua própria refrigeração, rede e energia. Assim, eventuais falhas que possam impactar quaisquer uma das regiões não vão afetar as demais, garantindo a continuidade dos negócios.

Por isso também, os serviços ofertados por meio da MZR têm como principal propósito ajudar clientes a implementar arquiteturas e aplicações de missão crítica, sendo especialmente interessante para clientes de serviços financeiros, governo e telecomunicações.

De acordo com a empresa, dentre as vantagens da oferta estão a baixa latência, maior disponibilidade e maior velocidade de interconexão entre data centers.

Esta post foi modificado pela última vez em 16 de março de 2021 10:56

Compartilhar
Deixe seu comentário
Publicado por
Tissiane Vicentin