EnglishPortugueseSpanish

O Tinder quer ajudar as pessoas a terem encontros amorosos depois de cerca de um ano de confinamento por conta da pandemia do coronavírus. Para isso, o aplicativo de namoro firmou uma parceria com a fabricantes Everlywell para enviar teste de Covid pelo correio a alguns de seus usuários.

Em comunicado, a empresa informou que, ao todo, serão distribuídos gratuitamente 1000 kits de testes do tipo RT-PCR. Porém, este benefício será somente para pessoas que moram nos Estados Unidos e não deve ser replicado em outros países.

publicidade

Leia também: 

A ação vai começar no dia 20 de março e deve priorizar pessoas que já combinaram com outras e estão conversando há algum tempo. O aplicativo deve disponibilizar uma área específica da Everlywell para que os clientes solicitem os kits.

“Estamos entusiasmados por trabalhar com a Everlywell, principalmente para tornar mais fácil para nossos membros irem se encontrar com seus pares em segurança”, declarou a vice-presidente do Tinder para a América do Norte, Nicole Parlapiano.

Tinder cresceu na Pandemia

tinder app redes sociais
Tinder aumentou n[umero de usuários durante a pandemia. foto: shutterstock

Pode ser que o tédio causado pela ausência de contato social em bares e festas causado pela pandemia possa ter ajudado os negócios da principal empresa do Match Group. Em 2020, o Tinder ampliou consideravelmente seu número de usuários ativos, segundo pesquisa da App Anime.

Um dos eventos ocorridos no aplicativo, o “Swipe Night”, que simula uma festa, ocorrido em 3 de janeiro, atingiu, segundo dados da própria plataforma divulgados por Parlapiano, atingiu 3,4 bilhões. De acordo com a executiva, este foi um dos eventos mais movimentados de toda a pandemia.

Com informações da Gizmodo Tinder

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!