Internet e Redes Sociais

Um streamer está há quase duas semanas seguidas ao vivo na Twitch

29/03/21 06h19

Ludwig Ahgren. Crédito: Captura de tela/Olhar Digital

Os relógios no Brasil apontavam mais ou menos 6 da tarde do dia 14 de março quando o streamer americano Ludwig Ahgren resolveu fazer mais uma de suas lives na Twitch. Nesta segunda-feira (29), duas semanas depois, o rapaz ainda está lá.

A ideia de Luwing era relativamente simples e até comum, ele iria transmitir 20 segundos a mais a cada assinatura recebida em seu canal. Cada subscrição custa US$ 5, o equivalente a R$ 28,78, por mês. Desde então, como o dinheiro não para de entrar, o rapaz não para de transmitir.

Leia também:

A transmissão se transformou em um verdadeiro evento para os usuários da Twitch e manteve uma média de mais de 30 mil espectadores desde seu início. Com essa transmissão, Ludwing, que já era o 11° streamer de língua inglesa mais seguido do mundo, ganhou ainda mais seguidores.

Perfil oficial da Twitch no Twitter desejou uma “boa noite” para o rapaz

Para gerar conteúdo para quem está assistindo, pode-se dizer que o rapaz está há duas semanas vivendo em frente às câmeras. Ele só se afastou durante um curto período de tempo no último sábado (27), quando ele pediu para alguns amigos assumirem a transmissão.

Maratonas do tipo são comuns

Ludwig Ahgren não para a transmissão nem mesmo quando está dormindo. Crédito: Captura de tela/Olhar Digital

Transmissões deste tipo são conhecidas como “subathons”, ou “subatonas”, algo que pode ser traduzido como “maratona de inscrições”. Elas são relativamente comuns na Twitch e várias já chegaram a durar vários dias.

Em abril de 2020, um streamer conhecido como Los transmitiu por mais de seis dias em seu canal, o Los Pollos TV. À época, acreditava-se que aquele era o recorde mundial de uma transmissão ao vivo.

Outras transmissões até duraram mais tempo, no entanto, não são consideradas subatonas, já que não receberam as inscrições durante toda sua execução.

Para não passar a vida inteira em frente às câmeras, Ludwig decidiu impor algumas restrições. Ao invés de 20, ele passou a adicionar apenas 10 segundos ao relógio por assinatura e cada espectador pode comprar “somente” 100 assinaturas.

Além disso, ele já declarou que ficará no máximo 31 dias transmitindo e, depois disso, irá assinar um documento, mas não detalhou qual. No momento, o volume de assinaturas vem diminuindo e o relógio marca que a live acabará em cerca de 9 horas.

Com informações do The Verge

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!


Experimente o Disney+. Clique aqui e assine agora!

Deixe sua opinião
Sugeridos pra você
Tags