EnglishPortugueseSpanish

De novo presos no chão: Voos com a aeronave 737 MAX da Boeing são suspensos após nova falha ser identificada

Redação 09/04/2021 22h57

A Boeing solicitou às companhias aéreas dos Estados Unidos que suspendessem temporariamente os voos com o jato 737 MAX. A orientação foi dada por conta de um problema com os sistemas elétricos da aeronave.

Essa é a primeira vez que os aviões precisam ficar no solo desde que a Administração Federal de Aviação dos EUA autorizou o retorno das operações do jato em 2020.

publicidade

Duas aeronaves desse modelo apresentaram falhas no software de segurança e caíram em 2018 e 2019, causando a morte de 346 pessoas.

A partir de agora, pelo menos 65 aviões 737 MAX vão permanecer no solo. A companhia aérea mais afetada é a Southwest Airlines, que possui 30 aeronaves deste modelo.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!