O banco Santander anunciou na quarta-feira (14) a abertura de 60 vagas para contratar e capacitar pessoas com deficiência (PCDs) para diversas funções na área de TI da instituição, nos escritórios localizados em São Paulo, capital.

Interessados não precisam ter experiência prévia e devem realizar o cadastro por meio do hotsite da empresa. O acesso pode ser feito clicando aqui.

publicidade

Os treinamentos para PCDs serão realizados com foco em programação e desenvolvimento para back e front end e as inscrições vão até 30 de abril.

PCD na cadeira de rodas está alocado em uma mesa, mexendo no computador e falando ao telefone
Santander abriu inscrições para capacitar e contratar pessoas com deficiência para trabalhar na área de TI do banco. Crédito: Shutterstock

A formação também conta com uma parte prática, que será efetivamente aplicada pelos selecionados no dia a dia, enquanto trabalham já como funcionários da Santander Tecnologia e Inovação.

A iniciativa faz parte do compromisso da instituição para criar um ambiente mais inclusivo e diverso.

“O grande objetivo é fortalecer o desenvolvimento dos profissionais, com foco em suas habilidades e não em suas limitações, porque limitações todos nós temos”, disse Bruno Seixas Scaldaferri, head de diversidade, inclusão e engajamento do Santander, durante o webinar “Oportunidades sem limites: buscando excelência no mercado de TI”.

Saiba mais!

Além da questão de diversidade com foco em deficiências, o banco adotou ações em prol de outras quatro frentes: gerações e formações, focado em diferentes formações e idades; equidade de gênero, equidade racial, e LGBTQIA+.