EnglishPortugueseSpanish

O quinto e penúltimo episódio de ‘Falcão e o Soldado Invernal’ nesta sexta-feira (16) trouxe os desdobramentos da execução pública feita por John Walker, o resultado da fuga de Barão Zemo, um mistério em torno de Sharon Carter, referências e easter eggs diretos dos quadrinhos e, claro, Sam e Bucky decidindo o que fazer a seguir.

Aqui estão alguns destaques importantes e referências do quinto episódio da série da Marvel Studios exclusiva do Disney+ para você tomar nota, e principalmente, ficar atento ao final da produção na próxima semana e as consequências para o Universo Estendido (e, claro, cuidado com o spoilers abaixo):

publicidade

Leia mais:

O escudo não te pertence, John Walker

Sam, Bucky e Walker se preparam para bater um papo... Com socos. Imagem: Marvel Studios/Divulgação
Sam, Bucky e Walker se preparam para bater um papo… Com socos. Imagem: Marvel Studios/Divulgação

O episódio começa com uma luta de tirar o fôlego entre John Walker (Wyatt Russell) contra Sam (Anthony Mackie) e Bucky (Sebastian Stan). E o objetivo é claro, após o novo Capitão América matar publicamente um membro derrotado dos ‘Apátridas’: tirar o escudo à força.

E mesmo após ter tomado o soro de supersoldado, a “trocação de soco” resulta na derrota de Walker, que é submetido à corte marcial e recebe dispensa “não honrosa” do governo norte-americano, destituído de seu título de Capitão América e deixado abalado aos prantos… Ou nem tanto.

Contessa Valentina Allegra de Fontaine

Julia Louis-Dreyfus estreia de surpresa no MCU como Contessa Valentina Allegra de Fontaine. Imagem: Marvel Studios/Divulgação
Julia Louis-Dreyfus estreia de surpresa no MCU como Contessa Valentina Allegra de Fontaine. Imagem: Marvel Studios/Divulgação

E QUE APARIÇÃO SURPRESA, VIU? Quem imaginaria um dia que veríamos Julia Louis-Dreyfus (‘Veep’, ‘Seinfeld’ e ‘The New Adventures of Old Christine’) no Universo Marvel (MCU)? A aclamada atriz fez sua estreia na série como a misteriosa Contessa Valentina Allegra de Fontaine, cujos motivos com John Walker são misteriosos (e provavelmente malignos).

Pouco foi revelado sobre a personagem até o momento em ‘Falcão e o Soldado Invernal’. No entanto, a femme fatal é referência direta dos quadrinhos (HQs), nos quais serviu como antagonista de Nick Fury (Samuel L. Jackson), mesmo sendo alguém importante dentro da S.H.I.E.L.D por certo período.

A condessa também agiu como vilã nas HQs, secretamente se juntando à Hydra e servindo ao grupo por um tempo com o alter-ego “Madame Hydra”. Porém, ela foi eventualmente presa ao ter sido descoberta como agente russa ao longo de toda sua carreira na S.H.I.E.L.D.

Será que a aparição da personagem significa um retorna da Hydra ao MCU?

A “Balsae o fim de Zemo?

Zemo retorna à prisão em 'Falcão e o Soldado Invernal'. Imagem: Marvel Studios/Divulgação
Zemo retorna à prisão em ‘Falcão e o Soldado Invernal’. Imagem: Marvel Studios/Divulgação

No quarto episódio da série, Zemo foge. Todos pensaram que o personagem de Daniel Brühl estava arquitetando algo vilanesco, mas a verdade é que ele foi à Sokovia visitar um memorial em homenagem às vítimas dos eventos de ‘Era de Ultron’ e foi rapidamente encontrado por Bucky, que estava acompanhado das guerreiras wakandianas Dora Milaje.

Não está totalmente claro porque Ayo (Florence Kasumba), no entanto, levará Zemo para a Balsa – prisão flutuante que prendeu a equipe de Steve Rogers em ‘Guerra Civil’ antes de ele os libertar -, e não a própria Wakanda, mas é aparentemente para onde o estão levando.

“Os 332” e a história de Isaiah

Carl Lumbly como em Isaiah Bradley 'Falcão e o Soldado Invernal'. Imagem: Marvel Studios/Reprodução
Carl Lumbly como Isaiah Bradley ‘Falcão e o Soldado Invernal’. Imagem: Marvel Studios/Reprodução

A história que Isaiah (Carl Lumbly) conta a Sam foi comovente, enfurecida e, infelizmente, verdade. O fato de que ele e os colegas militares passaram por experimentos com o soro de supersoldado, enquanto ouviam que estavam recebendo vacinas contra o tétano, é muito semelhante ao caso do “Estudo da Sífilis não Tratada de Tuskegee”, conduzido pelo governo dos Estados Unidos (EUA) entre os anos 1930 e 1970.

Isaiah também menciona os Redtails, nome do 332º Grupo de Operações Expedicionárias. A unidade predominantemente tripulada por soldados negros da Força Aérea dos EUA foi fundada durante a Segunda Guerra Mundial e de extrema importância, mas os militares foram mantidos segregados racialmente até 1948.

A história do personagem também é referência direta de sua minissérie dos quadrinhos, que por acaso também é o título do episódio: “Verdade”.

A suspeita sobre Sharon aumenta e o (novo) retorno de Batroc

De volta à Madripoor, Sharon Carter continua trabalhando em direção a atitudes misteriosas e cada vez mais suspeitas, chegando mesmo a se associar a Batroc. Inclusive, ela teria sido a responsável pela tentativa de sequestro com o vilão no primeiro episódio.

E a missão de Sharon para Batroc aparentemente era entregar equipamentos para a líder dos “Apátridas“, Karli. Se Sharon é o Mercador do Poder, parece estranho que ela de repente queira ajudar o grupo militante depois que eles roubam o soro…

O fim ‘Falcão’ e a caixa de Wakanda para Sam

Caixa da Wakanda para Sam em 'Falcão e o Soldado Invernal'. Imagem: Marvel Studios/Divulgação
Caixa da Wakanda para Sam em ‘Falcão e o Soldado Invernal’. Imagem: Marvel Studios/Divulgação

Há um grande problema para ‘Falcão’ após o episódio: o traje do herói foi destruído logo no início do capítulo durante a luta de Sam e Bucky com o superpoderoso John Walker. No entanto, pode haver ajuda a caminho…

No meio do episódio, Quando Bucky se encontra com as Dora Milaje para entregar Zemo, ele pede um favor. Qualquer que seja essa solicitação, veio em uma caixa de aparência legal que ele leva para Sam – que não abre até o fim do episódio.

Infelizmente, ainda não foi mostrado o que há na caixa. Definitivamente vamos descobrir com certeza o que é muito em breve, já que só falta mais um episódio de ‘Falcão e o Soldado Invernal’, mas, enquanto isso, teorizamos sobre o conteúdo enviado por Wakanda: um novo uniforme? Um tipo de soro supersoldado? Uma tecnologia diferente?

Cena pós-crédito: John Walker agora é o Agente Americano?

Novo escudo de John Walker em 'Falcão e o Soldado Invernal'. Imagem: Marvel Studios/Divulgação
Novo escudo de John Walker em ‘Falcão e o Soldado Invernal’. Imagem: Marvel Studios/Divulgação

Após Sam e Bucky pegarem o escudo de um Walker desequilibrado (depois de uma luta épica), ele é formalmente expulso do papel de Capitão América. Mas o personagem é abordado pela condessa Valentina Allegra de la Fontaine (Julia Louis-Dreyfus), que o oferece uma nova função.

O episódio termina com uma cena pós-créditos em que Walker trabalha em um novo escudo, sugerindo que ele se tornará o “Agente Americano“. Nos quadrinhos, esse personagem é uma versão mais sombria e intensa do Capitão América.

Lembrando que ‘Falcão e o Soldado Invernal’, que se encaminha para o último episódio, se passa após os eventos de ‘Vingadores: Ultimato’, mas com foco nos personagens Sam Wilson (Anthony Mackie) e Bucky Barnes (Sebastian Stan). Forçados a se unirem contra a organização maligna “Os Apátridas”, os agora protagonistas pedem ajudam a Barão Zemo (Daniel Brühl) na investigação. A série está no seu quinto episódio e é exclusiva da plataforma de streaming Disney+.

Fontes: Gamespot, The Wrap e MarvelFandom.com

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!


Experimente o Disney+. Clique aqui e Assine agora!