EnglishPortugueseSpanish

Os games são – ou pelo menos deveriam ser – um dos ambientes mais inclusivos do mundo. A possibilidade de viver outras vidas e se aventurar em novas histórias deveria estar ao alcance de todos, mas a falta de planejamento da própria indústria, que em muitos casos não projeta jogos e equipamentos pensando na diversidade do público, torna-se uma barreira para a expansão dos games.

Porém, nesta terça-feira (20) a Microsoft deu um passo em direção à inclusão de mais jogadores. A empresa trouxe para o Brasil, para Xbox Series, Xbox One e PC, um controle adaptável lançado originalmente em outubro de 2020 e voltado para jogadores com mobilidade reduzida.

publicidade

O equipamento será distribuído pela Allied, em parceria com as redes varejistas Amazon, B2W (Americanas, Submarino, Shoptime) e Kabum, por R$ 999 (a preço de custo). “No mundo dos jogos a inclusão começa permitindo que todos participem e isso significa tornar nossos produtos acessíveis a todos. Por isso, nós faremos a doação de controles adaptáveis para organizações sem fins lucrativos, entre elas a AACD e AbleGamers”, comenta Bruno Motta, Gerente Sênior de Xbox no Brasil.

O equipamento é na verdade um hub unificado para dispositivos, que tem os botões A, B e D-pad, Xbox, menu e view. O produto funciona como uma base que permite que os usuários conectem botões, joysticks, interruptores e montagens para criar um controle totalmente personalizado que atenda às necessidades de cada jogador.

Leia também:

“A modularidade é a parte principal do controle”, explica Bryce Johnson, pesquisador da Microsoft e um dos inventores do controle. “Ele traz uma série de portas P2 (3,5 mm) na traseira que funcionam como atalhos para os botões do joystick comum. Assim, um usuário pode plugar botões físicos e posicioná-los onde ele tenha movimentos para apertar os botões”, completa.

O controle adaptável pode ser carregado por meio de cabo USB-C incluso ou adaptador de energia (vendido separadamente). “Graças à adoção do Design Inclusivo, esse novo controle adaptável vai ao encontro do nosso propósito de empoderar cada pessoa e cada organização do planeta a conquistar mais”, destaca Gabriela Magalhães, Account Executive e Líder do Pilar de Acessibilidade na Microsoft.

Via: Microsoft