Nesta terça-feira (27), o Mark Zuckerberg, CEO do Facebook , disse que a rede social está trabalhando em novas ferramentas para ajudar os criadores de conteúdo a realizarem trabalhos mais autênticos e ainda ganharem dinheiro com isso, ou seja, um mercado em ascensão para ligar marcas com criadores.

Ele também afirmou que a empresa está desenvolvendo lojas online para que os influenciadores possam vender itens na plataforma da rede social e tenham uma forma de obter uma parte das vendas dos produtos. A nova funcionalidade enfatiza como as empresas estão tentando fomentar a criação de conteúdos que mantenham os usuários mais engajados e dispostos em seus sites. 

publicidade

Além disso, as redes sociais competem entre si para atrair cada vez mais criadores. Tanto que o Twitter tem experimentado também novas ferramentas para os creators, como recurso “Super follow” que possibilita as pessoas a ter acesso a conteúdos exclusivos por uma taxa de assinatura.

“Nossa visão é que, se ajudarmos os criadores a ganhar mais dinheiro com seu conteúdo, isso ajudará a uma economia de criadores mais ampla a emergir”, contou Zuckerberg em um bate-papo no Instagram Live com o CEO do Instagram, Adam Mosseri. 

Leia mais:

Com isso, uma maneira de os influenciadores ganharem dinheiro no Instagram é anunciar produtos de marcas em suas fotos e vídeos. Porém, Mosseri pontuou que as empresas costumam trabalhar com pessoas mais conhecidas e populares na web, então, agora o mercado pode ajudar a conectar usuários menores a terem patrocínio, os chamados microinfluenciadores em um nicho bem definido.

“Acho que, historicamente, o Instagram tem se saído melhor ao criar valor para os criadores que já estão estabelecidos e não o fizemos tão bem com pessoas que estão tentando apenas começar”, disse Mosseri. “Eu acho que é uma grande falta da nossa parte. Estamos tentando realmente girar em direção a isso”, finalizou.

Fonte: CNET

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!