A Blue Origin, companhia aeroespacial fundada por Jeff Bezos, fundador da Amazon, anunciou nesta quarta-feira que pretende realizar o primeiro voo tripulado no próximo dia 20 de julho. A data do voo é simbólica, já que marca os 52 anos desde que Neil Armstrong pisou na Lua na missão Apollo 11.

A data do anúncio também tem significado: em 5 de maio de 1961 Alan Shepard se tornou o primeiro norte-americano, e o segundo homem, após o soviético Yuri Gagarin, a chegar ao espaço. O foguete da Blue Origin foi batizado de New Shepard, em homenagem ao astronauta.

publicidade

Assim como no voo de Alan Shepard, os voos turísticos são suborbitais: a cápsula não entra em órbita da Terra, mas começa a retornar assim que ultrapassa uma altitude de 100 km, reconhecida internacionalmente como a “fronteira do espaço”.

Toda a jornada, da decolagem ao pouso, dura 15 minutos. A Blue Origin já realizou mais de 15 lançamentos não tripulados do New Shepard. No mais recente, em 15 de abril, a empresa fez uma simulação completa de uma missão tripulada, com “astronautas” a bordo até pouco antes da contagem regressiva e um manequim para simular os passageiros.

A cápsula comporta até seis passageiros, e um dos assentos do voo inaugural está sendo ofertado em um leilão online em três fases, que começa hoje.

O valor do lance vencedor será doado à uma fundação da Blue Origin, a Club for the Future. Segundo a empresa, a iniciativa serve para inspirar as gerações futuras a seguir carreiras em ciência, tecnologia, engenharia e matemática e ajudar a inventar o futuro da vida no espaço.

O preço das passagens ainda não foi divulgado, mas deve ficar por pelo menos 250 mil dólares, ou mais de um milhão e 300 mil reais. Se você se interessou e tem um bom dinheiro de sobra para investir numa grande aventura, saiba de mais detalhes no olhardigital.com.br e…. boa viagem!!

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!