O evento anual Google I/O terá em sua edição de 2021 uma ocasião de muita expectativa: devido à pandemia da Covid-19, a empresa de Mountain View não conseguiu apresentar a conferência no ano passado, então ela pode “correr atrás” agora e, ainda que o evento seja destinado a desenvolvedores, é bem possível que tenhamos novidades no lado do consumidor também.

Felizmente, o Olhar Digital está aqui para ajudar você a se encontrar no meio disso tudo. Logo abaixo, reunimos tudo o que pode ou não aparecer durante o Google I/O 2021, além de mostrar a você o melhor jeito de assistir à conferência pela internet:

publicidade

Leia mais

Google I/O 2021: como e onde assistir?

Novamente comprometida pela pandemia, a edição deste ano do Google I/O vai acontecer em caráter totalmente virtual. A boa notícia é que ela será inteiramente gratuita, bastando apenas que você tenha uma conta Google (o que você provavelmente já tem se usa o Gmail ou faz o download de aplicativos na Play Store) e faça o credenciamento.

Para isso, basta que você acesse a página exclusiva do Google I/O e insira os dados de sua conta. Vale lembrar que o evento começa no dia 18 de maio, às 14h (horário de Brasília) e só acaba no dia 20, dois dias depois.

Nesse intervalo de tempo, keynotes e lançamentos serão divulgados em ampla escala. Evidentemente, a maior parte vem sendo mantida em segredo para ninguém levar o famigerado spoiler, mas o Google convenientemente montou uma agenda de programação dos três dias.

Fora isso, temos uma boa ideia do que você pode esperar que seja mostrado no evento…

Ilustração de conta Google com cadeados ao redor
Google I/O, principal evento do Google para desenvolvedores, está de volta depois de um ano de ausência. Imagem: rvlsoft/Shutterstock

Pixel Watch e WearOS

O Google I/O 2021 é o primeiro evento de grande porte da empresa desde que ela adquiriu a Fitbit, marca conhecida por entusiastas do universo fitness pelas suas pulseiras, trackers e smartwatches. Rumores sobre um relógio inteligente feito pelo próprio Google têm circulado há anos, mas é a primeira vez que eles trazem uma base sólida como essa.

Mais além, o WearOS recebeu uma atualização recente que, por si só, não quer dizer muita coisa – o sistema operacional para tecnologias vestíveis agora usa o Gboard como teclado virtual, finalmente aposentando o antigo e disfuncional Google Keyboard.

A novidade pode ser indício de um uso mais frequente da marca, o que já não era sem tempo: o WearOS há muito é visto como um produto “abandonado” pela empresa e só segue ativo pelas suas parcerias com fabricantes terceirizadas.

A logomarca do sistema operacional Wear OS é exibida colada em um smartwatch
Atualizações recentes feitas no Wear OS indicam que o Google finalmente está pronto para levar o sistema operacional vestível a sério. Imagem: Google/Divulgação

Pixel 5a, Pixel 6 e Pixel 6 Pro

Esse rumor é um “tiro no escuro”, como diz a expressão, até porque o Google costuma revelar novos celulares próprios em um evento especial no segundo semestre de cada ano. Mas a ausência do I/O em 2020 pode ter complicado o calendário da empresa a ponto de fazê-la se adiantar com, pelo menos, um teaser do que sua próxima família de smartphones deve trazer.

Isso, e imagens conceituais recentes, mostraram que o Pixel 6 e Pixel 6 Pro (se é que estes serão mesmo seus nomes) devem trazer uma reformulação completa, com novos formatos de câmera, visual diferenciado e outros novos recursos.

Entretanto, a chance de isso não acontecer também é grande, uma vez que a pandemia impactou a produção de componentes em linhas de fábrica na Ásia, levando a faltas de estoque para várias empresas e produtos que dependem de itens computadorizados. O próprio Google reconheceu que o Pixel 5a deve chegar apenas no segundo semestre.

Rumores são apenas rumores, claro, mas há que se dar o devido crédito a eles, até mesmo porque…

Android 12 no Google I/O 2021

Como dissemos, o Google I/O é um evento focado nos desenvolvedores. E quem melhor para representar isso do que o maior sistema operacional móvel do mundo?

A primeira prévia do Android 12 para desenvolvedores já foi ao ar em fevereiro, e essa versão tão primária já indicava ampla mudança – a tela de bloqueio, a interface de usuário, widgets e funções de privacidade, rodar dois apps ao mesmo tempo – todas as funções já apareceram em algum grau nas prévias do novo Android, e capturas de tela vazadas que vêm aparecendo desde o começo do ano parecem corroborar isso.

No Google I/O, é pouco provável que a empresa traga o lançamento do Android 12, porém há uma boa chance de ela abrir o beta para os testes públicos – um sinal de que sua chegada está mais próxima do que esperávamos. Isso, aliado à possibilidade de informações do Pixel 6 e Pixel 6 Pro serem exibidas, tornam essa uma aposta bastante interessante para o Google.

Captura de tela mostra a nova interface do Android 12, que pode aparecer durante apresentação do evento virtual Google I/O 2021
No Android 12, o menu de configurações foi simplificado, com a interface mais fácil de navegar. Nova versão do sistema operacional pode aparecer no Google I/O 2021. Imagem: XDA Developers/Reprodução

Acessórios

Há pouco tempo – especificamente, abril e maio de 2021 – o Google cometeu dois deslizes que podem acidentalmente ter revelado a existência dos fones de ouvido sem fios “Pixel Buds A”. A primeira mancada foi em um email destinado a usuários do Nest, falando sobre o assunto: sem querer, o email veio a público.

A segunda foi um tuíte publicado por engano pela conta oficial do Android, noticiando o Pixel Buds A com “pareamento rápido” e compatibilidade com aparelhos equipados com Android 6 ou superior. Naturalmente, essa “queimada de largada” foi apagada, mas a internet sempre foi mais rápida que as empresas e fez a devida captura.

Imagem mostra tuíte publicado pela conta oficial do Android mostra que Google está desenvolvendo nova versão dos fones Pixel Buds, que podem aparecer no evento virtual Google I/O 2021
Tuíte publicado pela conta oficial do Android mostra que Google está desenvolvendo nova versão dos fones Pixel Buds. Imagem: Olhar Digital/Reprodução

E você, o que espera ver no Google I/O 2021? Quais são suas expectativas para o evento? Conte para nós nos comentários abaixo!

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!