Após mais de 25 anos, a Microsoft irá desativar o Internet Explorer no próximo ano. O motivo é que ao longo dos anos, o navegador da web não é usado pela maioria dos consumidores. O Internet Explorer será encerrado no dia 15 de junho de 2022.

“Estamos anunciando que o futuro do Internet Explorer no Windows 10 está no Microsoft Edge”, disse Sean Lyndersay, gerente de programa do Microsoft Edge. Ele também explicou que “o aplicativo de desktop Internet Explorer 11 será retirado e deixará de ser compatível em 15 de junho de 2022 para certas versões do Windows 10.”

publicidade

Embora o Windows 10 ainda inclua o Internet Explorer para o próximo ano, as versões do consumidor encerrarão o suporte do navegador de vez. A Microsoft não se pronunciou ainda, mas é provável que o Internet Explorer seja encerrado no Windows em junho de 2022 ou logo depois.

Leia mais:

A partir de então, a alternativa para a maioria das empresas será o Microsoft Edge com modo IE, permitindo que as empresas adotem o novo navegador baseado em Chromium para sites mais antigos. Portanto, o modo IE oferece suporte a controles ActiveX, que ainda são usados ​​por muitas empresas. A Microsoft quer oferecer suporte a este modo IE no Edge até 2029.

Além disso, a empresa. encerrou o suporte ao Internet Explorer 11 para o aplicativo da web Microsoft Teams no ano passado e pretende cortá-lo de acessar os serviços do Microsoft 365 ainda este ano. Em agosto, o Internet Explorer 11 não terá mais suporte para os serviços online da marca, como: Office 365, OneDrive e Outlook.

A Microsoft também vem tentando limitar as pessoas de usarem o Internet Explorer por mais de cinco anos. Foi em 2015 que o Microsoft Edge apareceu pela primeira vez e deu início ao fim da marca Internet Explorer. 

Fonte: The Verge

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!