Já imaginou uma rede social em que seja proibido postar foto de si mesmo? Pois é assim que funciona a Poparazzi, totalmente na contramão da corrente de egocentrismo que permeia as demais plataformas. Se o seu objetivo é publicar fotos do seu rosto, do seu corpo, do seu cabelo, dos seus olhos… continue usando o Facebook, o Instagram e os demais aplicativos de praxe. Porque a proposta da Poparazzi é justamente contrária: fazer com que o usuário poste imagens do que ele vê além de seu próprio umbigo.

Poparazzi
Rede social contrária à onda de egocentrismo proíbe selfies e não conta seguidores.
Imagem: Divulgação TTYL Inc.

Lançado nesta semana, o serviço está disponível apenas para iPhone. Na ferramenta de câmera, não há sequer a opção para usar a câmera frontal. Tudo para estimular a regra de que este aplicativo definitivamente não é sobre você. 

publicidade

Leia mais:

Sem contagem de seguidores

O intuito é que você se torne o “paparazzo” dos seus amigos: fazendo fotos, GIFs, vídeos, exatamente como os paparazzi do mundo das celebridades. 

Não existe o recurso de legendas, hashtags nem comentários. O objetivo é que as imagens postadas “falem por si”.

Também não há contagem de seguidores, uma vez que a métrica é associada ao ego em aplicativos como Instagram ou TikTok

Ou seja: para a Poparazzi, o grande “barato” é fazer com que o usuário possa se divertir com os amigos e valorizar as relações, esquecendo o conceito de popularidade. 

Logo, a Poparazzi estará disponível para Android

Usuários do sistema Android podem aguardar a ferramenta para breve. A TTYL Inc., desenvolvedora da plataforma, promete que o app não vai demorar para estar disponível a esse público. 

Embora ainda apresente algumas falhas e bugs, o Poparazzi já é o app mais baixado da App Store, categoria Foto e Vídeo. E mais: ele pode ser baixado gratuitamente.

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!