O WhatsApp entrou com a ação no tribunal superior indiano por causa de novas regras impostas pelo governo. Uma nova lei do país asiático força as plataformas de bate-papo a identificarem a primeira pessoa que enviou uma mensagem compartilhada.

O app de Mark Zuckerberg alega que isso coloca em risco a criptografia de ponta a ponta, oferecida também por serviços de mensagens como o Signal e o Telegram. Em nota, a empresa disse que vai negociar com as autoridades para encontrar um meio-termo que resolva a situação.

publicidade

Em um comunicado, o governo indiano disse que respeita os direitos à privacidade dos usuários, mesmo quando o WhatsApp for obrigado a divulgar a origem da primeira mensagem.

Além da nova lei na Índia, o WhatsApp está tendo problemas com processos em vários países por conta da nova política de privacidade, que compartilha os dados com o Facebook.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!