Um anúncio da exchange norte-americana Coinbase de que irá listar a dogecoin em sua plataforma de negociação teve um impacto direto no valor da criptomoeda: ela valorizou 25% nesta quarta-feira (2) e está próxima de atingir US$ 0,50, registrando US$ 9,6 bilhões em valor de mercado nas últimas 24 horas.

A empresa liberou para que seus usuários iniciassem as transferências de doge para suas contas na plataforma na terça-feira, 1º de junho. A expectativa é de que a moeda comece oficialmente a ser negociada a partir de hoje (3), mas a Coinbase ressalta que isso só será possível se as as condições de liquidez forem atendidas.

publicidade

O anúncio, no entanto, fez a cotação da dogecoin saltar de US$ 0,34 para US$ 0,42. No auge da valorização registrada na quarta, o valor chegou a US$ 0,44, animando investidores.

Ao todo, a dogecoin já registra valor de mercado de US$ 51,9 bilhões e ocupa a sexta posição das 10 principais moedas da CoinMarketCap. Na liderança, o bitcoin segue absoluto, com valor de mercado de US$ 722,3 bilhões.

Leia mais:

Saga de sucesso 

O sucesso da criptomoeda já começou em seu lançamento: ela foi criada em 2013 a partir de um meme com a imagem de um cachorrinho da raça Shiba Inu. O que parecia uma simples brincadeira, ganhou presença no mercado graças aos embalos positivos alimentados por declarações do bilionário, Elon Musk, CEO da Tesla e SpaceX. 

A dogecoin começará a ser aceita na plataforma de câmbio Coinbase, notícia que fez o valor da criptomoeda subir 25%. Imagem: F8 studio / Shutterstock

Com um estilo peculiar, Musk usou a sua conta no Twitter para adotar o padrão “doge” como base no sistema financeiro, estimulando outras celebridades a apoiar a dogecoin. Elon Musk já chegou a anunciar que tem a ideia de comprar uma cidade no Texas onde só seriam aceitas criptomoedas, em especial a queridinha do momento.  

Conteúdos bombásticos

O excêntrico bilionário tem o poder de conduzir o mercado por meio de suas declarações ou postagens. Recentemente, uma crítica aos possíveis impactos no meio ambiente causados pela mineração de bitcoins fez o valor da moeda digital despencar. Fora isso, Musk é um forte apoiador da dogecoin e, sempre que se pronuncia sobre o ativo – o que acontece regularmente – algo muda no mercado.