A The Boring Company, startup de Elon Musk para transporte urbano rápido, começou oficialmente a transportar passageiros pelos túneis duplos que construiu sob a cidade de Las Vegas, em Nevada (EUA). Os primeiros passageiros oficiais do sistema, batizado de LVCC Loop, foram os participantes da feira World of Concrete, que começou em 8 de junho.

A convenção internacional focada em indústrias de construção comercial é o primeiro grande evento realizado no Centro de Convenções de Las Vegas desde o início da pandemia de covid-19. Ao mesmo tempo, a Autoridade de Convenções e Visitantes de Las Vegas (LVCVA) também aproveitou a oportunidade para inaugurar a recém-construída Ala Oeste (West Hall) do centro de convenções. Atualmente, o LVCC Loop está conectando a nova expansão com os setores central (Central Hall) e sul do campus (South Stall).

publicidade
Túneis de Elon Musk
Veículos elétricos autônomos da Tesla viajam em alta velocidade entre estações para transportar pessoas. Imagem: Reprodução/Site The Boring Company

Antes da feira World of Concrete, a The Boring Company conduziu test-drives no LVCC Loop que agradaram o público, mas não a imprensa. De acordo com o CEO e presidente da LVCVA, Steve Hill, a capacidade do sistema de túneis ultrapassou 4.400 passageiros por hora, o que deixou o órgão “feliz com os resultados”. Ainda segundo ele, o projeto da startup de Elon Musk pode atingir até 5.050 pessoas por hora no futuro.

E conforme o LVCC Loop começa a operar, outro projeto de tunelamento na “cidade do pecado”, chamado Vegas Loop, está recebendo atenção. Marc Badain, presidente dos Raiders – time que joga a National Football League (NFL) – afirmou ao jornal Las Vegas Review que está pronto para receber uma estação de túneis que conecte o público ao novo estádio da equipe de futebol americano, o Allegiant Stadium – que custou impressionantes US$ 2 bilhões (cerca de R$ 10 bilhões).

Túneis de Elon Musk em Las Vegas foram oficialmente lançado. Imagem: Reprodução/Teslarati
Túneis de Elon Musk em Las Vegas foram oficialmente lançado. Imagem: Reprodução/Teslarati

“Assim que eles [Elon Musk e a The Boring Company] estiverem prontos para nos dizer onde querem colocar a estação, vamos abrir espaço”, disse Badain ao jornal. “Acho que realmente depende de como os túneis se conectam à [avenida Las Vegas] Strip, ao aeroporto e à comunidade onde estão construindo todo o sistema”.

Em dezembro de 2020, a Câmara Municipal de Las Vegas aprovou por unanimidade o pedido de “Permissão de Uso Especial” para o Vegas Loop, projeto que amplia o sistema de túneis com o objetivo de, enfim, conectar a cidade inteira.

Saiba mais sobre os “túneis de Elon Musk”

O sistema Las Vegas Convention Center Loop (LVCC Loop), que custou US$ 52,5 milhões (cerca de R$ 278 milhões) e demorou mais de um ano para ser finalizado, consiste em túneis nos quais os veículos elétricos (e futuramente autônomos) da Tesla viajam em alta velocidade entre estações para transportar pessoas na cidade.

O projeto tem escavações a 12m de profundidade, 2,4km de extensão e três paradas, por ora. A meta é que o sistema conecte Las Vegas inteira, com túneis até o aeroporto local e ou ao centro da cidade repleto de cassinos e resorts, a uma velocidade impressionante de 241 km/h.

Leia mais:

Os passageiros podem utilizar o LVCC Loop a partir de três faixas distintas de preço, que variam entre US$ 5 (R$ 28,46, na conversão direta) a US$ 10 (R$ 56,89).

Fonte: Teslarati

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!