O CEO do Twitter, Jack Dorsey, revelou que a rede social pode entrar no mundo das criptomoedas em breve através da Lightning Network, uma rede alternativa do Bitcoin para pagamentos instantâneos. Em resposta a um seguidor nesta sexta-feira (11), o fundador da plataforma disse que é “questão de tempo” até que entrem nesse mercado.

Apesar disso, não há mais detalhes de como a integração entre o Twitter e o Bitcoin deve funcionar. A principal hipótese é que a moeda seja usada em microtransações na plataforma, que está investindo cada vez mais em formas de monetização.

Jack Dorsey critica proposta de regulamentação das criptomoedas
Foto: Frederic Legrand – COMEO/Shutterstock

Twitter e o Bitcoin

Recente, o Twitter anunciou sua versão paga, o Blue, em que os usuários podem assinar um pacote para ter funções extras, mas não há como pagar diretamente com Bitcoin no momento. Além disso, está sendo implementado um modo pago para o Espaços e um sistema de “doações” para criadores de conteúdo.

Leia mais!

A Lightning Network permite pagamentos instantâneos na internet de forma segura. A camada de pagamento promete suportar uma quantidade de transações financeiras similares a quantidade suportada por uma rede de cartão de crédito. Nos últimos anos, o método vem ganhando mais atenção. Em El Salvador, por exemplo, comerciantes vão poder realizar transações pela rede.

Anteriormente foi revelado que a Square, empresa de pagamentos de Dorsey, estava desenvolvendo seu próprio método de pagamentos com Bitcoin, acreditava-se que o Twitter iria adotar esse meio. A empresa chegou a firmar uma parceira de US$ 5 milhões para a produção de mineradores da criptomoeda.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!