O Facebook anunciou a compra da BigBox VR, desenvolvedora do game de battle royale Population: ONE. A empresa, agora, faz parte do esforço do Facebook em prol de produtos de realidade virtual (VR) e pode auxiliar a companhia de Mark Zuckerberg a sair à frente de concorrentes nesse mercado.

“Ao longo do desenvolvimento contínuo do Population: ONE, a Oculus tem sido uma parceira incrível e hoje estamos dando o próximo grande passo”, disse a BigBox VR, em comunicado sobre a aquisição.

publicidade
Imagem mostra cinco versões do Oculus Rift, óculos de realidade virtual do Facebook
Neste ano, os óculos de realidade virtual do Facebook completou cinco anos; na imagem, as cinco versões diferentes do Oculus Rift. Crédito: Divulgação/Facebook

Segundo a companhia, o movimento é estratégico, no sentido de permitir à BigBox dar continuidade ao desenvolvimento do jogo, mas com mais recursos, já que passará a ter respaldo financeiro e tecnológico do Facebook.

“Tornar-se parte da família Oculus Studios nos dará a oportunidade de buscar recursos maiores e a conectar ainda mais pessoas por meio de realidade virtual e jogos”, continuou a empresa no comunicado.

Para o usuário final, a princípio, nada muda: o jogo continuará disponível nas plataformas que já está atualmente em funcionamento, e com atualizações regulares.

“Há algo mágico em interagir com pessoas geograficamente distantes no mesmo espaço virtual, quer você esteja entregando objetos, participando de uma competição amigável ou simplesmente se atualizando. Acreditamos que essas poderosas conexões sociais são fundamentais para acelerar o crescimento da VR e continuamos a investir em conteúdo e equipes que compartilham dessa perspectiva”, afirmou Mike Verdu, vice-presidente de conteúdo da Facebook Reality Labs, divisão da companhia de Mark Zuckerberg focada no desenvolvimento dessa tecnologia.

“Uma das experiências sociais mais populares em VR provou ser o Population: ONE, o bem-sucedido battle royale da BigBox VR. Hoje, tenho a honra de compartilhar que BigBox VR está se juntando ao Facebook”, complementou o executivo, também por meio de nota oficial.

De fato, o game Population: ONE tem tido grande sucesso, somando mais de US$ 10 milhões em receita na Oculus Store apenas alguns meses após o lançamento do game, segundo Verdu informou em outra postagem no blog da Oculus, em fevereiro deste ano.

Após a aquisição, a equipe da BigBox VR será incorporada à Oculus Studios.

Realidade virtual em pauta

O Facebook há algum tempo investe recursos no desenvolvimento da tecnologia de realidade virtual. A começar pela compra da Oculus, em 2014. A empresa foi responsável pelo dispositivo de VR Oculus Rift cuja tecnologia, após a aquisição de R$ 2,3 bilhões, foi incorporada ao que hoje é conhecida como Oculus Studios.

Leia mais!

Em março deste ano, o dispositivo de VR do Facebook, o Oculus Rift, completou cinco anos desde o seu lançamento e vem ganhando versões ao longo do tempo, em linha com a evolução tecnológica do mercado.

Em junho passado, inclusive, a empresa anunciou que estava trabalhando em um par de óculos mais compacto, similar aos produzidos pela Snap.

Ao anunciar a aquisição da BigBox, Verdu também deixou claro que o Facebook tem planos de ampliar esforços no setor e continuar a inovação – apesar de não ter dado detalhes sobre como isso irá ocorrer. “Nós temos planos incríveis e inovadores para os próximos anos em jogos”, afirmou.