A SoulCode Academy, edtech brasileira de atuação com foco em inclusão digital e impacto social, anunciou seu quinto bootcamp, voltado exclusivamente à iniciantes da carreira de desenvolvedor full stack. Para a nova turma, a SoulCode abriu o dobro do número de vagas do curso anterior: serão 50 alunos, que farão o curso totalmente gratuito.

Interessados já podem se inscrever pelo site: www.soulcodeacademy.org, até 2 de julho. As aulas iniciam em 19 de julho, com duração de 16 semanas em período integral, totalizando 740 horas.

publicidade

O curso será aplicado em formato a distância, ou seja, totalmente online, via plataforma da SoulCode Academy. Também serão ministradas em português e ao vivo.

As aulas são gratuitas, com início em julho e contemplarão 50 estudantes. Crédito: Artie Medvedev/Shutterstock

Novidades e processo seletivo

Para adaptar os estudos à demanda de mercado, a grade curricular do curso foi ajustada para incluir ensino de Angular, uma plataforma voltada para criação de aplicações web e mobile.

“Nosso objetivo é formar profissionais e dar ferramentas para que os alunos possam construir uma carreira como desenvolvedores full stack junior, com forte capacitação e competitividade. Adaptamos constantemente a grade do curso olhando para demandas do mercado, ao mesmo tempo que criamos oportunidades de carreira para nossos alunos”, comenta Fabricio Cardoso, diretor-geral e cofundador da edtech.

A grade também engloba um projeto prático e em grupos, com simulação do dia a dia de um desenvolvedor, para preparar o candidato para situações reais de trabalho.

Veja também!

O processo para a seleção dos candidatos consiste em uma prova de lógica e ciências da computação, além da aplicação de teste de habilidades técnicas, de caráter eliminatório. Também será preciso realizar um pitch em vídeo, dinâmica em grupo online e entrevista.

Podem participar da seleção, brasileiros de todas as regiões do país, gêneros, raças e classes sociais com mais de 18 anos.

De acordo com a cofundadora, diretora acadêmica e líder de inclusão e diversidade da SoulCode, Juana Pinkalsky, a expectativa é de que os inscritos estejam, “preferencialmente desempregados e que queiram ressignificar a carreira” justamente por conta das aulas serem em período integral, o que acaba restringindo o tempo disponível de quem já está empregado.

Para que possa ser gratuito para estudantes, o curso é custeado por parceiros e patrocinadores da SoulCode Academy, como a TNT Energy Drink, que patrocinará todas as turmas em 2021.

O modelo de negócios da startup oferece também opção de turmas fechadas para empresas, com participação apenas de colaboradores, on demand, conforme a necessidade digital e de transformação tecnológica que a contratante necessita.

O curso também conta com parcerias para promover não apenas habilidades técnicas, como as chamadas soft skills. “O trabalho da SoulCode Academy é qualificar alunos com excelência. Por isso, além de proporcionar amplo conhecimento técnico, o curso conta com parcerias para desenvolver os soft skills necessários para a presença no mercado de trabalho”, afirma Carmela Borst, cofundadora e conselheira executiva da área de marketing, reconhecida por trabalhos de impacto social e conselheira em ONGs, como Gerando Falcões, Casa do Zezinho e Instituto Ser+.

Nesse sentido, a empresa implementa uma metodologia de ensino focada em cinco pilares: educação, diversidade, saúde, longevidade e sustentabilidade.