A Motorola está de volta ao segmento de smartphones robustos de gama média. A novidade, fruto de uma parceria da fabricante com a Bullit Group (a empresa por trás dos celulares CAT), trará de volta ao mercado o nome ‘Defy’, velho conhecido dos fãs da marca.

Segundo o 9to5Google, o novo Moto Defy virá equipado com uma carcaça resistente a quedas e um acabamento de borracha texturizada na parte traseira, além de contar com classificação militar MIL-STD-810H e certificação IP68 contra água e poeira. A tela LCD IPS de 6,5″ e com resolução HD+, é protegida por uma camada de vidro Gorilla Glass Victus. Outro recurso é um botão programável ‘Push to Talk’, disposto na lateral do aparelho.

publicidade

Sobre a configuração de câmeras, o design habitual usado em outros celulares da Motorola está presente. O módulo com três câmeras é composto por: um sensor principal de 48 MP e duas lentes de 2 MP (uma de profundidade e um sensor macro), algo semelhante ao irmão Moto G Power. Logo abaixo, o logotipo da Motorola vai funcionar como um sensor biométrico capacitivo.

Especificações, preço e disponibilidade

Como se trata de um aparelho intermediário, o novo Defy é relativamente modesto. O gadget possui um processador Qualcomm Snapdragon 662, o mesmo do E7 Power, 4 GB de memória RAM e 64 GB de espaço interno expansível via cartão microSD. O aparelho é alimentado por uma bateria de 5.000 mAh compatível com carregamento com fio de 20 W. A boa notícia é que o adaptador de energia TurboPower virá incluso na embalagem do produto.

Leia mais:

O dispositivo virá de fábrica rodando Android 10, uma decisão controversa visto que o Android 12 já está em pleno desenvolvimento. No entanto, a Motorola e a Bullitt prometem o update para o Android 11 e a liberação de pacotes de segurança por pelo menos dois anos.

Na Europa, o preço final do aparelho será de € 329 (ligeiramente abaixo da faixa dos R$ 2 mil em conversão direta). A expectativa, segundo o Android Authority, é que o Moto Defy também chegue na América Latina já nas próximas semanas, resta saber se o Brasil também está na lista. O dispositivo será vendido no varejo em duas cores: verde (‘Forged Green‘) e preto.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!