O Instagram pode estar perto de copiar uma recém adicionada função do Twitter. A rede social que pertence ao Facebook pretende criar sua própria versão do Super Follow, com criadores produzindo conteúdos exclusivos para assinantes. Recentemente, capturas de telas vazadas mostram o recurso sendo usado. A autenticidade foi confirmada pela própria plataforma.

Não houveram mais detalhes fornecidos pelo Instagram, a plataforma disse apenas que as imagens são de um protótipo que ainda está em testes. Os prints, no entanto, mostram a existência de stories exclusivos, voltados apenas para membros. Com isso, é esperando que um sistema de assinaturas seja adicionando.

publicidade

Além disso, uma opção “salvar isso como um destaque para seus fãs” também é vista. Esses destaques devem ficar exclusivos para os assinantes do criador de conteúdo. O recurso Histórias exclusivas foi descoberto pelo engenheiro Alessandro Paluzzi, que frequentemente encontra recursos não lançados no código de aplicativos.

Imagem: Reprodução

O Instagram já disse em outras ocasiões que planeja criar novas formas de monetização para criadores e adicionar um sistema semelhante ao que foi recentemente anunciado para o Twitter pode ser um passo importante. Isso também faz com que os usuários não dependam de plataformas externas, como o Patreon.

Imagem: Reprodução

Instagram e os recursos do Twitter

Adam Mosseri, chefe do Instagram, disse no início de junho que a rede social está desenvolvendo novas ferramentas para criadores. “Precisamos criar, se quisermos ser a melhor plataforma para criadores de conteúdo a longo prazo, todo um conjunto de coisas ou ferramentas que os criadores possam usar para ajudar no que fazem”, explicou.

Leia também!

O modelo de assinaturas começou a ganhar ainda mais força com a popularização do OnlyFans, onde os assinantes pagam um valor mensal para ter acesso a fotos e vídeos exclusivos. Em sua maior parte de cunho sexual, mas o modelo pode ser utilizado também para outros tipos de conteúdos.

Isso foi feito no Twitter com o Super Follow, que começou a ser lançado recentemente. A plataforma também está lançando o Ticket Spaces, uma forma de vender ingressos para salas de áudios do Espaços. Além do Twitter Blue, a versão paga da rede social.

Por tanto, como o Instagram já anunciou que também vai ampliar seus modelos de monetização, é esperado que muitos recursos sejam parecidos com os adotados no Twitter.

Via TechCrunch

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!