A Microsoft lançou recentemente uma nova versão de seus aplicativos desktop do Office para Windows 10 e 11. Além do novo visual, essa versão de teste também está disponível para portáteis com processadores ARM.

Nova versão do Office para Windows tem suporte para processadores ARM 64 bits.
Imagem: Divulgação/Microsoft

O Office atualizado usa a linguagem de design Fluent no Word, Excel, PowerPoint, OneNote, Outlook, Access, Project, Publisher e Visio. Os aplicativos atualizados devem ser semelhantes ao Windows 11, em termos de design. 

publicidade

Por meio da interface atualizada do Office, o pacote é configurado para corresponder aos temas do Windows dos usuários, incluindo modos escuro, branco, colorido ou cinza escuro. Por padrão, a barra de ferramentas de acesso rápido é oculta em nome da simplificação da interface.

De acordo com o site Zdnet, o Office atualizado está disponível para testadores do Office Insider que assinam o Canal Beta. Aqueles que não quiserem podem desligar o recurso “Em breve” em um menu no canto superior direito da janela. Se desejar, o usuário pode alternar entre a nova interface e a atual.

Leia mais:

Microsoft lança primeira versão 64 bits do Office para ARM

A Microsoft também anunciou que está disponibilizando publicamente a primeira versão de 64 bits do Office para sistemas Windows com processadores ARM.

“O Office on ARM64 é construído como um aplicativo ARM64EC (Emulation Compatible), o que permite que o código ARM64 do Office interopere com o código x64 de add-ins legados”, afirma a empresa em seu blog.

Para usar a nova versão de teste do Office para ARM, os usuários precisam de uma máquina rodando o Windows em um processador ARM e estar inscritos no Windows Insider Dev Channel, para que possam fazer o download da primeira versão de teste oficial do Windows 11. 

Eles também precisam fazer parte do programa Office Insider para obter acesso à compilação de teste da versão beta, sendo necessário desinstalar todas as versões de 32 bits do Office que possam ter instaladas atualmente.

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!