A Company Hero anunciou que está em busca de profissionais de TI para compor a sua força de trabalho. A empresa procura colaboradores que tenham conhecimento em Business Inteligente e CRM, DevOps, Python, e UX Design – todas com possibilidade de trabalho em regime remoto.

A abertura de vagas acontece após a empresa receber um aporte de R$ 3,2 milhões, em rodada de investimentos pré-série A liderada pela Allievo Capital e investidores da beegin.invest, plataforma do Grupo Solum, que viabilizou o coinvestimento de mais de 100 investidores, incluindo membros de grupos como GV Angels, PoliAngels, Harvard Angels, Insper Angels e Fundadores do JusBrasil.

publicidade

Além das áreas em tecnologia, a empresa também abriu oportunidades para outros setores como Comercial, Design, Financeiro, Logística e Marketing, algumas também no modelo home office, mas há algumas que são presenciais e para diferentes cidades brasileiras.

Imagem mostra uma mão digitando um código de programação em um teclado de notebook, ao lado há a tela de um iMac que também exibe um terminal, com códigos de programação.
Após aporte, a empresa está em busca de profissionais de TI, com conhecimentos diversos, para trabalhar em regime remoto. Crédito: Shutterstock

Todas as vagas contam com benefícios como férias remuneradas e flexíveis, plano de saúde, aula de yoga online duas vezes por semana, aporte mensal da Company Hero em uma conta de investimento individual para obter Previdência Privada sem taxas, cultura de feedback 360º para desenvolvimento de carreira, bônus mensal por metas e desempenho, happy hour online semanal com toda a equipe e day off de aniversário.

Para participar do processo seletivo e consultar todas as informações sobre as oportunidades, os candidatos – residentes ou não no país – devem acessar a página de carreiras no site da Company Hero: https://www.companyhero.com/carreiras.

Evolução e investimentos

Com a injeção do novo capital, a startup planeja alcançar receita anual recorrente de R$ 30 milhões até 2022, além de mais que dobrar o número de empresas atendidas (dos 6 mil atuais para 15 mil no período).

O aumento da força de trabalho, nesse sentido, é uma evolução natural: a expectativa é investir para passar de 60 para 150 funcionários. A legaltech ressalta que já havia dobrado o tamanho da sua equipe nos últimos seis meses.

Hoje, a Company Hero é especializada em oferecer serviços digitais por assinatura para pequenas e médias empresas, com produtos como abertura de empresa ou filial, registro de marca, alteração de contrato social, escritórios virtuais e até conta digital PJ.

Escritórios, inclusive, foi o pontapé inicial da empresa. Fundada em 2016 pelo húngaro Miklos Grof e pelo chileno Diego Izquierdo, a companhia começou na área de escritórios compartilhados com o nome de Campus Inc.

Veja também!

Mas, com o mercado cada vez mais caminhando para o digital, os executivos viram a oportunidade de lançar serviços com esse core, com a intenção de trazer simplicidade às burocracias enfrentadas por empresas no Brasil.

Ainda dentro do plano de expansão por meio do aporte, a startup tem como objetivo desenvolver soluções enterprise com foco em escritórios de advocacia e contabilidade, para auxiliá-los a digitalizar serviços paralegais.

Além disso, a startup quer liderar o movimento de trabalho e negócios remotos. “Queremos investir em nosso time com o fortalecimento de nossa cultura e, cada vez mais, com foco em diversidade, feedback 360º para desenvolvimento pessoal e bem-estar em um ambiente 100% remoto, modelo que apostamos para nosso negócio e incentivamos como propósito para as empresas assinantes dos serviços Hero”, conclui Grof, também CEO da startup.