O CEO da Tesla, Elon Musk, afirmou durante a conferência de criptomoedas B Word que a montadora “provavelmente” vai voltar a aceitar pagamentos com bitcoins. A empresa, que integrou a opção de pagamento em março deste ano, retirou o modo dois meses depois.

Segundo Musk, a mineração da moeda virtual têm apresentado um grande impacto ambiental, e pediu um tempo para analisar com mais precisão as tendências de energia renovável.

publicidade

O empresário espera ver ao menos 50% de energia renovável na captura de criptomoedas para investir com mais segurança na moeda digital.

Por enquanto, a maioria das operações de mineração de criptomoedas ocorre na China, que depende muito do carvão para gerar energia elétrica.

A declaração de Musk, mesmo sem previsão de quando a Tesla vai voltar a aceitar bitcoins, já mexeu com o mercado: a moeda digital já retomou o patamar de 30 mil dólares…

Agora o que se espera é que isso não seja apenas uma “provocação” do excêntrico bilionário.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!